Salesforce desiste oficialmente de compra do Twitter

Por Redação | 14 de Outubro de 2016 às 18h41

A lista de possíveis compradores para o Twitter agora está bem desfalcada. A Salesforce, última grande companhia cotada para levar a micro rede social, está fora do páreo, segundo afirmou o CEO da companhia, Marc Benioff.

Benioff afirmou em entrevista ao Financial Times que desistiu do negócio pois notou que o Twitter não combinava com o perfil mais corporativo de sua companhia. "Não era adequado para nós", afirmou Benioff, que tentou comprar o LinkedIn este ano, mas foi desbancado pelos astronômicos US$ 26 bilhões que a Microsoft pagou pela empresa.

A Salesforce era cotada como um dos nomes mais fortes para fazer a aquisição do Twitter, ao lado de outras gigantes como Disney e Google, que também declinaram de uma possível compra. Entretanto, fontes apontam que acionistas questionaram o interesse na compra de uma empresa para consumidores, sendo que a SalesForce tem todo o seu poder no segmento de CRM, predominantemente corporativo.

Com a saída da Salesforce, fontes ligadas ao Twitter apontam que o processo de venda da empresa está "virtualmente morto". Uma última saída seria uma compra por um fundo de investimento privado, ou manobras internas do conselho para tirar o CEO Jack Dorsey da liderança e buscar outros compradores.

Depois de uma subida em seu valor no mercado de ações devido ao possível interesse de compradores, parece que agora o Twitter está de volta a uma posição complicada financeiramente, em busca de novas receitas e tendo que lidar internamente com a busca por mais anunciantes e usuários.

Fonte: Financial Times

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.