Nova rede social quer conectar desconhecidos por meio de interesses em comum

Por Rafael Romer | 24 de Maio de 2016 às 13h19
photo_camera Reprodução

Com o gigante Facebook no centro da discussão e um punhado de outros grandes serviços como Twitter, Google+ e Instagram orbitando ao redor, o mundo atual das redes sociais parece estar bem definido. Mas nada é permanente na internet e acontecimentos inesperados, como surgimento e explosão do Snapchat e a morte do queridinho dos brasileiros Orkut, mostram que mesmo em um cenário que parece difícil de ser transformado, pode ainda haver espaço para novos players que querem encontrar um lugar entre internautas.

Essa é a aposta do grupo de software suíço Myriad, que em abril anunciou o relançamento de uma antiga plataforma proprietária de troca de mensagens, transformada agora na nova rede social de nicho Versy, que busca conectar pessoas desconhecidas por meio de interesses em comum. No total, são mais de 7,5 mil categorias de interesse disponíveis na plataforma, que vão desde temas gerais como cultura pop, arte e moda, até assuntos bem específicos, como xadrez.

Todo o conteúdo do Versy é disponibilizado em uma linha do tempo de posts que organiza mensagens, fotos e vídeos de acordo com o interesse que cada usuário pode selecionar quando se cadastra no serviço. A diferença do app para outras plataformas sociais é que o conteúdo mostrado não necessariamente precisa vir de perfis "seguidos" pelo usuário, mas de qualquer pessoa ou marca dentro do serviço. A única métrica é um algoritmo, que prevê qual a relevância de cada postagem para o usuário, levando em consideração interações anteriores e as categorias de interesse selecionadas.

"Hoje, nós nos conectamos normalmente com pessoas, acabamos tendo timelines cheia de informações, mas não necessariamente conteúdo relevante para você", explica Fabiana Garcia, diretora de marketing do Versy no Brasil. "A gente tem uma ferramenta que conecta o usuário com o interesse, por meio das postagens com informações relevantes sobre esse interesse."

A ideia é que o fluxo livre de mensagens estimule os usuários a conhecer novas pessoas com interesses semelhantes, criando conversas sobre esses temas específicos dentro do Versy, por meio de uma plataforma interna de chat individual e de grupos que o serviço oferece.

Nesta terça-feira (24), o app também integrou uma nova função de gamificação à plataforma, apelidada de "King of Interests", que criará uma disputa pela "coroa" de usuário mais engajado em determinada categoria de interesse. Além da possibilidade de fazer algumas mudanças cosméticas no seu perfil na rede social, o "rei" ou "rainha" de cada categoria ganhará mais exposição entre outros usuários por meio do ranqueamento.

Por enquanto, a plataforma só está disponível no Brasil, México e nos Estados Unidos, e é focada principalmente nos chamados millennials de populações hispânicas — geralmente considerados os jovens mais engajados em redes sociais do mundo. A empresa não revela quantos usuários cadastrados a plataforma registrou neste primeiro mês após o lançamento, mas há expectativa de lançamento em outros países da América Latina, conforme a marca consolide a presença nos primeiros mercados selecionados.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!