Notícia falsa sobre venda do Twitter faz ações da empresa dispararem em 8%

Por Redação | 15 de Julho de 2015 às 11h25
Tudo sobre

Twitter

A notícia que dizia eu o Twitter seria vendido por US$ 31 bilhões acabou se mostrando falsa. Embora muitos acreditem que o fato tenha sido noticiado pela renomada agência Bloomberg, no fim das contas, com uma análise mais aprofundada, provou-se que o site responsável pelo ocorrido havia sido o Bloomberg.Market, que não tem qualquer associação com a agência.

Apesar disso, o boato ganhou força sobretudo por ter sido assinado falsamente com o nome de um repórter da agência. Além disso, o artigo continha um erro ortográfico no nome do ex-CEO do microblog, Dick Costolo, que deixou o cargo recentemente.

Depois de desmentir a notícia, o Twitter não realizou comentários adicionais sobre o caso.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Mesmo com toda a história desmentida, as ações do Twitter dispararam e tiveram uma alta de mais de 8% nesta terça-feira (14). Os papéis da companhia chegaram a valer US$ 38,82 próximo ao meio-dia.

Os rumores de que o Twitter seria vendido não são novos. Recentemente, algumas especulações colocaram o microblog como possível alvo de compra pelo Google e pelo Facebook.

Fonte: Re/code

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.