Falha na autenticação em dois fatores do Facebook gera publicações involuntárias

Por Redação | 15 de Fevereiro de 2018 às 13h47
photo_camera Reprodução
TUDO SOBRE

Facebook

Uma falha no sistema de autenticação em dois fatores está incomodando usuários do Facebook. Desde o início da semana, quem optou por utilizar SMS como apoio para a solução de segurança está recebendo um verdadeiro spam de mensagens, com todas as notificações do perfil sendo enviadas por mensagens de texto após um login bem-sucedido.

E, para piorar as coisas, ações usuais para cancelar a inscrição em sistemas do tipo, como responder com “pare”, não apenas não funcionam como geram publicações nos perfis dos usuários. É a aplicação de um sistema antigo, que data de uma época em que smartphones não eram comuns, pelo qual mensagens de texto poderiam ser usadas para publicar atualizações. Um recurso que, entretanto, precisaria ser ativado manualmente pelo utilizador.

Como se isso não bastasse para passar a impressão de se tratar de um bug, o mesmo estaria acontecendo também no Instagram. Na rede social de imagens, entretanto, a autenticação em dois fatores com problemas estaria causando apenas a enxurrada de mensagens de notificação, sem a segunda e incômoda parte das postagens automáticas, algo que não é possível na plataforma.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O problema estaria ocorrendo desde o início da semana, mas ganhou atenção especial quando o sociólogo e notório crítico de redes sociais Zeynep Tufekci publicou sobre o caso. Para ele, não se trata de um problema, e sim, de um abuso claro do sistema de autenticação em duas etapas para aumentar de maneira artificial o engajamento dos usuários com a rede social.

Em declaração oficial, porém, o Facebook não comentou sobre essa possibilidade, nem confirmou que o problema se trata de um bug, o que deixou a situação ainda mais obscura. A empresa disse que está analisando a questão relacionada às mensagens de texto e indicou aos usuários afetados que usem outras alternativas para autenticação em dois fatores, como geradores de código ou o próprio aplicativo da rede social, que não exigem nem mesmo a inserção de um número telefônico.

A falha pode gerar, também, problemas judiciais para o Facebook. Nos Estados Unidos, uma lei de defesa do consumidor impede que empresas entrem em contato com clientes sem a expressa autorização – neste caso, a configuração de recebimento de notificações por mensagens. A rede social, inclusive, já enfrenta alguns processos nesse sentido, por enviar textos de lembretes de aniversário e eventos sem a anuência dos utilizadores.

Fonte: The Verge, Zeynep Tufekci (Twitter)

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.