Facebook vai transmitir evento exclusivo da WWE

Por Redação | 13 de Dezembro de 2017 às 13h01
Tudo sobre

Facebook

O Facebook fechou mais um acordo de transmissão de evento esportivo, desta vez com a WWE. A associação de luta profissional anunciou nesta quarta-feira (13) a criação de um evento exclusivo para streaming pela rede social, que vai se estender por 12 semanas e tem estreia marcada para o dia 16 de janeiro.

A competição exclusiva será de eliminação simples, com gêneros mistos. Os lutadores, um homem e uma mulher, formarão duplas que enfrentarão umas às outras até que os vencedores sejam conhecidos. Os combates não serão transmitidos ao vivo, mas editados em capítulos de 20 minutos cada, exibidos semanalmente pela plataforma Watch, do Facebook.

A WWE não revelou os detalhes do acordo, mas a estimativa é que ele tenha um valor de algumas centenas de milhões de dólares. Isso se deve não apenas ao fato de a rede social, agora, ter uma competição para chamar de sua, mas também pela presença já confirmada de alguns astros do esporte, como Jimmy Uso e Natalya.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

As escolhas, inclusive, abrangem alguns dos atletas da luta mais populares no Facebook, como uma forma de aproveitar a audiência já nativa dos astros na rede social. Além disso, o público poderá participar indicando as duplas, delimitando rivalidades e estimando os resultados dos combates com base em tais escolhas. A ideia é aumentar o engajamento e o envolvimento do público, de forma a aproveitar o caráter social da plataforma usada para transmissão.

Segundo o Facebook, a nova parceria com a WWE não interfere em acordos antigos que já existiam tanto com a associação quanto com produtores especializados. Também como parte do conteúdo exclusivo da plataforma Watch, a rede social conta com shows exclusivos, documentários, entrevistas e especiais sobre as lutas, tanto do presente quanto do passado do esporte.

O intuito, como sempre, é garantir que o Facebook se torne um ponto de chegada para conteúdo de vídeo. É por isso que a empresa mantém uma plataforma separada, mesmo que integrada, apenas para suas produções audiovisuais e também realiza acordos com associações esportivas – como a liga colegial de basquete dos EUA, por exemplo – de forma a garantir transmissões ao vivo exclusivas para a plataforma.

Fonte: Re/Code

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.