Facebook treinará seus funcionários para lidarem com embates políticos

Por Redação | 23 de Junho de 2016 às 23h30
photo_camera Reprodução

Sheryl Sandberg, COO do Facebook, declarou que a rede social irá treinar funcionários para que eles estejam aptos a lidar com reveses políticos que surgirem no futuro. O anúncio surgiu após a empresa ter sido acusada de favorecer conteúdos de cunho liberal nos Trending Topics dos Estados Unidos.

A diretora de operações disse o seguinte: “Nós pensamos muito sobre diversidade no Facebook e estamos criando uma classe gestora de embates que todos os nossos líderes e muitos de nossos funcionários têm tomado, que eu ajudei a criar, e nós temos focado no preconceito racial, o viés de idade, o preconceito de gênero, preconceito nacional, e vamos seguir em frente com o cenário político. Então com isso, como parte do que pensamos a respeito de ajudar as pessoas a entender diferentes pontos de vista e estarem abertos a eles, estamos lidando com reveses políticos e seguindo em frente.”

Após ex funcionários terem denunciado na internet que recebiam direcionamento por parte do Facebook para priorizarem notícias com posicionamento político liberal, Mark Zuckerberg se reuniu com representantes e líderes políticos conservadores para colocar “panos quentes” na situação. Como resultado, o CEO da rede social determinou algumas mudanças no sistema de rastreamento das notícias exibidas em destaque, a fim de amenizar o problema.

Então, treinar empregados para conseguirem administrar brigas políticas envolvendo a ferramenta faz sentido em um contexto delicado como esse, enquanto os EUA estão divididos graças à atual corrida presidencial. Um porta-voz da companhia chegou a dizer que esse treinamento será obrigatório a todos os funcionários do Facebook.

Fonte: The Hill

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.