Facebook testa drone que oferece internet em meio a áreas de desastre

Por Redação | 19 de Abril de 2017 às 16h29
photo_camera Facebook

Quando uma grande catástrofe acontece, seja natural (como deslizamento de terras, inundações ou tsunamis) ou causada pela humanidade (como quebra de barragens ou ataques terroristas), é possível que a comunicação a partir do local afetado se torna bastante precária. Tudo isso pode causar danos graves também à infraestrutura do lugar, deixando offline longos trechos de uma cidade ou país.

Tentando oferecer uma alternativa rápida e acessível para quando isso acontece, o Facebook acaba de anunciar um drone que vai oferecer conexão com a internet em áreas de desastre. Anunciado durante a conferência F8, o equipamento chamado de Tether-tenna é compacto e capaz de operar durante meses flutuando a centenas de pés acima do chão.

“Quando completada, esta tecnologia será capaz de ser lançada de forma imediata e de operar durante meses a fim de reestabelecer a conectividade em casos de emergência — garantindo que a comunidade local possa permanecer conectada enquanto as conexões em solo estão sob reparo”, escreveu o representante do Connectivity Lab, do Facebook, Yael Maguire.

A Tether-tenna funciona de forma simples: no local do desastre, ela se conecta a uma rede cabeada ainda operante, mas incapaz de alcançar novos lugares; depois disso, o drone alça voo e sobe aos céus para transmitir conexão com a internet como se fosse uma torre virtual.

Fonte: Facebook