Facebook Stories é a prova de que o Facebook copia o Snapchat na cara dura

Por Redação | 25.01.2017 às 21:01

Já ouviu dizer que na internet nada se cria, tudo se copia? Pelo visto, a máxima funciona também na indústria tech. E a notícia mais comentada do dia tem a ver com uma manobra do Facebook, digamos, não muito original.

Acontece que a rede social lançou hoje (25) um novo recurso que é um clone idêntico do Snapchat Stories, batizado de (adivinha só)... Facebook Stories. E olha que essa não é a primeira vez. Em agosto do ano passado, o Instagram (que pertence ao Facebook, diga-se de passagem) lançou o Instagram Stories, um recurso praticamente copiado na íntegra da rede social de fotos e vídeos efêmeros. Como a manobra deu certo e hoje o Instagram Stories conta com mais de 150 usuários diários ativos, a mesma receita foi aplicada à rede social de Mark Zuckerberg.

Por enquanto, o Facebook Stories está disponível apenas na Irlanda, em período de testes. Por lá, a companhia também está testando um novo recurso de câmera in-app, para que o usuário possa integrar ainda mais suas novas fotos com as ferramentas da rede social. Fica clara a intenção do Facebook e de seu novo produto, que tem tudo para dar certo, apesar de ter sido clonado de outro serviço.

Isso vem para botar ainda mais lenha na fogueira da guerra entre Facebook e Snapchat. A ideia é liberar o serviço no mundo inteiro o quanto antes, e o modo de funcionamento, claro, é bastante semelhante ao dos aplicativos que já conhecemos. No novo recurso, haverá uma parte do feed em que aparecem círculos que remetem ao perfil de cada amigo, contando as principais interações deles na rede social a cada 24 horas. Estas fotos não aparecerão no feed principal do Facebook nem na timeline do usuário.

Ao postar uma foto no Facebook Stories, o usuário poderá aplicar diversos filtros e até efeitos animados sobrepostos, algo idêntico ao que já vimos no Snapchat e no Instagram. Alguns destes filtros são interativos e funcionam como máscaras em tempo real.

Outro recurso são as mensagens diretas, que abrem uma nova funcionalidade da rede social batizada de "Direct". Sendo assim, o usuário pode tirar uma foto e postá-la em modo público ou enviá-la a um contato específico no Stories. Essas mensagens são separadas do Messenger e já funcionam desde o ano passado na Irlanda.

"A maneira como as pessoas compartilham hoje em dia é diferente da de cinco ou até dois anos atrás — está tudo muito mais visual, com mais fotos e vídeos do que nunca. Queremos tornar (o Facebook) mais rápido e divertido para as pessoas compartilharem fotos e vídeos criativos e expressivos com quem quiserem, quando quiserem", escreveu ao Mashable um porta-voz do Facebook, por e-mail.

O Facebook Stories deve chegar nos próximos meses em mais países.

Fonte: Mashable