Facebook lança formato carrossel para anúncios no celular

Por Redação | 12 de Maio de 2015 às 17h52
photo_camera Divulgação

Os anúncios do Facebook nos dispositivos móveis ficarão ainda mais interativos – e bonitos – no aspecto visual. A empresa anunciou nesta segunda-feira (11) que levará para sua plataforma mobile o formato "carrossel" nas campanhas publicitárias veiculadas na versão da rede social para tablets e celulares.

O formato carrossel é conhecido por permitir a inclusão de várias imagens e links em um mesmo anúncio. A função já era utilizada para postagens de múltiplas fotos vistas nos aparelhos móveis, e também era usada em anúncios na versão desktop do Facebook. No caso dos tablets e smartphones, as marcas poderão colocar até cinco fotografias ou links nos anúncios com o objetivo de tornar seus produtos mais atrativos.

De acordo com o Facebook, esse formato publicitário consegue prender mais a atenção do usuário. Além disso, na comparação com anúncios que utilizam uma única imagem, o carrossel reduz de 30% a 50% o custo por conversa e entre 20% a 30% o custo por click. Estes dados fazem parte de um levantamento feito pela rede social no que diz respeito ao uso do formato carrossel na versão para computadores da plataforma de Mark Zuckerberg.

Os anúncios ficarão assim:

Facebook (carrossel)

De acordo com o Facebook, todas as campanhas precisam se adequar a uma padronização para que consigam utilizar o carrossel. Isso inclui que as imagens tenham proporção de 1:1 e 600 x 600 pixels de resolução; até 25 caracteres no título, 90 caracteres no texto do produto e 30 caracteres na descrição do link; e que a imagem tenha no máximo 20% do texto. Outro recurso disponível é a chamada otimização criativa, que otimiza o desempenho do seu anúncio selecionando, ordenando os links e as imagens de melhor desempenho para as pessoas que visualizam a propaganda.

Não é nenhuma surpresa que o Facebook esteja investindo cada vez mais no mobile do que no desktop. Na divulgação dos últimos resultados financeiros da empresa, que correspondem ao primeiro trimestre de 2015, a companhia anunciou que 73% de sua receita total (US$ 3,45 bilhões) vem de dispositivos móveis, contra 59% do mesmo período do ano passado. A rede social também registra mais de um bilhão de buscas realizadas pelo celular todos os dias.

Fonte: Facebook

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.