Facebook impede que seus usuários citem nome de rede social concorrente

Por Redação | 09.11.2015 às 11:09

O Facebook está impedindo que seus usuários mencionem o nome da rede social Tsu.co, alegando que o serviço viola suas regras de uso na rede social. O bloqueio da plataforma concorrente também vale para o Instagram e Messenger, com exceção do WhatsApp.

O Tsu.co é uma rede social destinada apenas a convidados que se baseia no conceito de compartilhar receita publicitária com seus usuários. Ou seja, o site paga aos usuários que ajudarem a promover seus anúncios dentro do serviço. O problema, ao que parece, é que o local se torna uma enorme fonte de spam no Facebook.

Ao digitar Tsu.co no Facebook, Instagram e Messenger, o usuário recebe uma mensagem de erro. Segundo o Facebook, o problema está no modelo de negócios do Tsu, que fica com 10% das receitas publicitárias geradas pelos conteúdos de cada usuário, sendo que os 90% restantes são distribuídos para aqueles que convidam novos usuários, um modelo familiar aos polêmicos esquemas de pirâmide.

Bloqueio Tsu.co

"Obrigamos todos os sites e apps que interagem com o Facebook a seguir a nossa política de plataformas. E não permitimos que os programadores incentivem o compartilhamento desse tipo de conteúdo em nosso site, pois encoraja o compartilhamento de spam e cria uma má experiência para as pessoas no Facebook", declarou um representante da rede social.

A proibição também afeta a fan page do Tsu no Facebook, que conta com mais de 11 mil fãs. Ao clicar no link para redirecionar ao site da concorrente, o Facebook informa que o link está bloqueado e retorna novamente para a página da empresa.

Fonte: Mashable