Facebook está testando novo navegador para seu app no iOS

Por Redação | 18 de Janeiro de 2016 às 08h51
photo_camera Divulgação

O Facebook está tentando dar um jeito para que você nunca o deixe, mesmo que esteja navegando fora dele. É o que mostra um dos mais recentes projetos da rede social, uma versão incrementada do navegador em seu aplicativo para iOS que, mais do que apenas permitir acesso a links publicados em postagens do serviço, também vai deixar que o usuário faça uma navegação de verdade na web.

Seguindo a linha de design de toda a plataforma, uma barra azul na parte superior agora passa a conter as opções de digitação de URL – o usuário pode checar outro site qualquer, por exemplo, ou fazer uma pesquisa por fatos ou termos contidos no link original –, além dos já existentes comandos para compartilhamento e retorno à interface do Facebook.

Mais novidades, entretanto, aparecem abaixo. Como a navegação acontece de forma integrada à rede social, dá para saber a popularidade de determinados sites nas postagens. Opções de voltar e avançar aparecem ao lado de um menu que ainda não teve sua funcionalidade revelada, mas deve trazer funcionalidades para favoritar uma página, copiar o link para envio mesmo fora do próprio sistema e opções de compartilhamento com outros apps que estejam instalados no dispositivo do usuário.

Facebook browser

Mais uma vez, trata-se de uma novidade focada nos celulares e tablets. Mais especificamente, os testes vêm sendo realizados desde meados de dezembro de forma restrita a grupos muito pequenos de usuários. Os resultados, entretanto, estariam sendo positivos e o browser já estaria funcional o bastante para que os envolvidos acreditarem em um lançamento para breve, por mais que algumas características importantes, como um suporte a abas, por exemplo, ainda estejam de fora.

Como todo teste que acontece de forma fechada, claro, o Facebook não falou muito a respeito. A empresa não confirmou nem negou o desenvolvimento de seu próprio browser, tampouco disse se a solução será apenas integrada à rede social ou se existem chances de a vermos fora do ecossistema do serviço em algum momento. A ideia de manter os usuários dentro do app da rede social e não navegando para fora, porém, já é antiga, e nesse sentido o lançamento de um navegador parece completamente adequado.

Fonte: The Next Web