Facebook desabilita função de tornar o grupo secreto ou fechado

Por Nathan Vieira | 14 de Agosto de 2019 às 19h30
Reprodução
Tudo sobre

Facebook

Saiba tudo sobre Facebook

Ver mais

Nesta quarta-feira (14), algumas mudanças vão acontecer em meio aos grupos do Facebook. Até então, os usuários podiam escolher se um grupo seria aberto, fechado ou ainda secreto. No entanto, de acordo com o que foi anunciado pela própria rede social, agora as configurações de privacidade se limitam a grupos públicos ou grupos privados.

Na prática, os grupos que atualmente estão como secretos, passam a ser marcados como privados. A proposta permanece a mesma, e o grupo fica visível apenas para os membros que fazem parte dele. Cabe aos administradores a tarefa de tornar o grupo público ou privado.

Grupos do Facebook passam a ser apenas públicos ou privados (Foto: Newsroom)

"Estamos fazendo essa alteração porque ouvimos de pessoas que eles querem mais clareza sobre as configurações de privacidade de seus grupos. Ter duas configurações de privacidade — públicas e privadas — ajudará a esclarecer quem pode encontrar o grupo e ver os membros e as postagens que fazem parte dele. Também ouvimos que a maioria das pessoas prefere usar os termos público e privado para descrever as configurações de privacidade dos grupos a que pertencem", anuncia Jordan Davis, gerente de produtos do Facebook, durante o comunicado oficial sobre a mudança.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

"Ao separar a configurações de privacidade das postagens e membros do grupo da capacidade de descoberta geral do grupo, é mais fácil para os administradores entender e gerenciar as configurações de privacidade do grupo e também é mais fácil para os membros saberem informações importantes, como quem pode encontrar o grupo", Davis completa.

As mudanças nos Grupos do Facebook lançados esta semana fazem parte da "Iniciativa de Comunidades Seguras", que inclui algo que o Facebook está chamando de "detecção proativa". O gerente de produto dos Grupos do Facebook, Nir Matalon, falou com o portal norte-americano BuzzFeed News sobre a iniciativa: “Nossas políticas e tecnologia de detecção proativa continuam a se aplicar a grupos privados e públicos, assim como fizeram para as configurações de privacidade anteriores de grupos públicos, fechados e secretos. Isso nos permite encontrar e remover maus atores e conteúdo ruim, ajudando a manter o Facebook seguro".

Fonte: Newsroom via BuzzFeed News

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.