Facebook assusta usuários com mensagem "você está seguro?" e pede desculpas

Por Redação | 28 de Março de 2016 às 10h50

O Facebook começou a manhã desta segunda-feira (28) pedindo desculpas aos usuários após enviar a mensagem "você está seguro?" por engano para vários usuários. Neste final de semana, o sistema “Safety Check” da rede social, que permite aos usuários em áreas de conflito ou desastres naturais dizerem se estão seguros ou não, foi mais uma vez ativado depois que um atentado a bomba matou pelo menos 69 pessoas em Lahore, no Paquistão.

O problema é que muita gente do outro lado do mundo recebeu a notificação para se declarar em segurança após a explosão. De acordo com usuários norte-americanos e europeus, a rede social disparou na tarde deste domingo (27) uma notificação em seus celulares para que eles dizerem se estavam em segurança por “estarem na área afetada pelo ataque”.

Facebook Safety Check

As mensagens também vieram por SMS, e é por causa disso que a empresa veio a público pedir desculpas. Enquanto a notificação do app falava de forma clara sobre um atentado no Paquistão, o SMS questionava se o usuário “havia sido afetado pela explosão”, sem indicar o que havia acontecido. O resultado, claro, foi bastante gente preocupada e sem saber exatamente o que fazer, nem se uma detonação realmente existiu.

No pedido de desculpas, o Facebook não comentou sobre o que causou o erro, afirmando apenas ter um bug em seus sistemas, o que vai totalmente contra a própria intenção do sistema de verificação de segurança. De acordo com a companhia, a questão já foi resolvida e os usuários que receberam a notificação por engano devem desconsiderá-la, enquanto que os que efetivamente foram afetados podem usar o recurso para avisar amigos e familiares de que tudo está bem após os atentados.

O sistema de verificação foi implementado pela rede social há dois anos justamente para auxiliar famílias a saberem se seus entes em áreas de conflito estão bem. Em áreas caóticas, normalmente, o sinal de celular é ruim e a internet, pior ainda. Sendo assim, os afetados podem usar o Facebook para se declararem seguros, tranquilizando amigos e familiares. O recurso foi ativado recentemente na cidade de São Paulo, por exemplo, durante as chuvas que causaram grandes alagamentos e deslizamentos de terra.

Fonte: The Verge

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.