Extensão do Chrome permite visualizar e baixar Instagram Stories

Por Redação | 11.08.2016 às 15:15

O Instagram Stories, considerado por muita gente como um recurso feito especialmente para copiar o Snapchat, foi criado especificamente para o mundo mobile, sendo acessível apenas em celulares ou tablets. Mas isso só vale para a versão oficial, pois uma recém-lançada extensão do navegador Google Chrome permite que as histórias com prazo de validade não apenas sejam visualizadas no computador, mas também baixadas para o HD.

O Chrome IG Story pode ser baixado gratuitamente e permite uma usabilidade semelhante às dos smartphones. No topo da linha do tempo, dá para acessar todos os usuários que criaram postagens, e elas também podem ser acessadas diretamente no perfil de cada um. Um clique no ícone faz com que as imagens ou vídeos sejam visualizados em tela cheia.

As setas do teclado servem para seguir de uma publicação para outra, algo que no mundo mobile é feito por meio de toques na tela, enquanto o botão Esc fecha a janela e retorna para a linha do tempo. Um indicador visual mostra a quantidade de histórias publicadas pelo usuário, enquanto clicar com o botão direito abre a possibilidade de salvar os vídeos e imagens, como em qualquer outro site.

E é justamente esta última funcionalidade que pode acabar fazendo com que extensão tenha os dias contados. O Instagram, ao liberar o Stories, foi bastante específico ao dizer que a ideia era apresentar um recurso para compartilhamento de fotos e vídeos cotidianos, sem que eles fiquem eternizados no perfil dos usuários. É exatamente o que faz o Snapchat, e, assim como o concorrente, a rede social de fotos também pode buscar impedir a ação de softwares que permitam que as imagens sejam salvas.

A plataforma do fantasminha, por exemplo, fez isso ao limitar o acesso de terceiros à sua API, restringindo o acesso às informações compartilhadas pelos usuários apenas a seu próprio app. Entretanto, claro, os desenvolvedores sempre tentam dar um jeito, e por mais que o Instagram tente brigar, é possível que ele se veja em uma situação semelhante aqui. A empresa ainda não falou publicamente sobre a extensão.

Fonte: Chrome Web Store