Executivo do LinkedIn admite que design da rede social é confuso

Por Redação | 24 de Julho de 2015 às 12h11

Reid Hoffman, cofundador do LinkedIn, admitiu que é necessário trabalhar para deixar o site menos "insensível e confuso". Hoffman respondeu ao questionamento sobre o design do LinkedIn durante um painel do Brainstorm Tech, um evento realizado pela Fortune.

A pergunta foi feita por Jourdan Urbach, CTO da plataforma de vídeos Ocho, que questionou se a interface confusa do LinkedIn era uma decisão estratégica da empresa. Mesmo relutante ao admitir que o design da rede social não era tão atrativo e tão bom quanto poderia ser, Hoffman acabou concordando que o LinkedIn não oferece o seu melhor neste sentido.

"Olha, nós trabalhamos nisso, mas talvez trabalhamos nisso mais devagar do que deveríamos", explicou o executivo. "Eu acredito que algumas pessoas acham o LinkedIn muito confuso. Este é absolutamente o caso e definitivamente há mais trabalho que podemos fazer".

Apesar do LinkedIn ter realizado diversas mudanças para melhorar a interatividade e oferecer mais recursos aos usuários, como a possibilidade de qualquer pessoa escrever um artigo no Pulse, a rede social tem deixado o seu layout esquecido no tempo, com mudanças pequenas e gradativas demais.

Hoffman ainda explicou que o LinkedIn conta com profissionais qualificados para cuidar do design da rede social. "Nós temos muitas funcionalidades complicadas. Não é apenas subir uma foto e dar 'like'", concluiu o executivo.

Fonte: The Next Web

Fonte: http://thenextweb.com/dd/2015/07/24/linkedins-co-founder-reluctantly-admits-that-his-site-design-needs-work/

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.