Novo recurso do Tinder mostra seus amigos do Facebook que utilizam o aplicativo

Por Redação | 27 de Abril de 2016 às 13h05

O Tinder está testando uma ferramenta que permite a organização de encontros em grupo. Embora a ideia seja ótima para casais adeptos de relações abertas ou flexíveis, a maioria das pessoas não gostou muito do recurso, principalmente por ele listar cada um dos seus amigos do Facebook que está no Tinder. Por enquanto, a novidade está sendo testada apenas na Austrália.

A real questão é que o Tinder parece não ter alertado os usuários sobre a chegada dessa funcionalidade: a partir do momento em que a sua versão do app ganha esse recurso, você é automaticamente colocado numa lista "pública" para todos os seus amigos do Facebook que também estiverem na plataforma.

Além de expor seu perfil aos seus amigos, não se importando se você ao menos quer isso, a novidade também permite que essas pessoas te adicionem em grupos com outras que você não necessariamente conhece. Como consequência, essas pessoas também conseguem visualizar seu perfil no app. Bizarro, não é mesmo?

Tinder Social

(Imagem/Reprod.: Tech Insider)

Um usuário que tem o aplicativo em sua versão de testes enviou algumas capturas de tela para o Tech Insider e explicou como o novo recurso funciona: você deve pressionar a opção "Criar um grupo" para ser levado até uma lista dos seus amigos no Facebook – sejam eles matches seus ou não – então, basta selecionar quem você quer adicionar ao grupo de eventos e voilá. Ah, vale lembrar que ele também avisa quais dos seus amigos já possuem encontros em grupo marcados.

Tinder Social

(Imagem/Reprod.: Tech Insider)

Apesar de haver uma forma de desativar essa funcionalidade — basta ir até as configurações e desligá-la — a opção vem como ativada por padrão para todos aqueles que atualizam ou instalam o app pela primeira vez. Isso tem deixado muitos usuários australianos de cabelo em pé, já que muitos deles sequer sabem que estão sendo vistos por todos até, de fato, serem vistos por todos. É claro que há toda uma questão moral por trás disso, pois muitas pessoas não querem ser vistas no aplicativo.

Embora seja compreensível que a ferramenta tente incrementar a experiência do usuário com encontros em grupo, já que o aplicativo tem como objetivo unir casais, é duvidoso que o chamado Tinder Social (nome dado ao recurso), venha a ser um dos atrativos do app que ganha adeptos justamente por promover praticidade e privacidade aos usuários.

O que você achou da novidade?

Via: Tech Insider

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.