Diretor de tecnologia do Twitter deixa a empresa

Por Redação | 21.12.2016 às 14:26
photo_camera Divulgação

A lista de executivos que estão abandonando o barco do Twitter não para de crescer. Agora, o nome da vez é o do Diretor de Tecnologia (CTO) Adam Messinger, que seguiu os passos de Adam Bain, ex-diretor de operações da rede social.

Bain se afastou da empresa há cerca de um mês, mas vários outros executivos já deixaram o Twitter este ano. No entanto, ao contrário de Bain, que divulgou uma longa explicação para sua mudança, Messinger fez um post bem curto dizendo os motivos da sua saída.

"Depois de 5 anos eu decidi deixar o Twitter e tirar um tempo livre. Agradeço @jack [Jack Dorsey] pela oportunidade e à minha equipe pela parceria", escreveu em sua conta na rede de microblogging. Messinger não deixou clara a motivação da sua decisão de sair da empresa, mas também falou um pouco sobre um futuro que está "em aberto por enquanto".

O ex-diretor de tecnologia foi nomeado para o cargo em 2013. Ele era responsável pela engenharia, desenvolvimento de produto e design. O Twitter ainda não se manifestou oficialmente a respeito de quem será o substituto.

Vale lembrar que, em outubro deste ano, a empresa de mídia social anunciou que cortaria 9% da sua força de trabalho, numa tentativa de manter sua rentabilidade. Essa porcentagem pode ser traduzida em cerca de 350 demissões.

Na ocasião, foi dito que a degola afeta principalmente o setor de vendas da empresa, que agora "deixará de contar com três canais e passará para apenas dois". Os setores de marketing e parcerias também serão afetados pela rodada de dispensas. O movimento faz parte da estratégia do Twitter de enxugar seu quadro de funcionários e cortar custos com salários. Dessa maneira, a corporação espera pelo menos manter o ritmo de crescimento apresentado no último trimestre e deixar seus investidores satisfeitos.

Fonte: Reuters