Descubra quais empresas estão monitorando você no Facebook e proteja seus dados

Por Joyce Macedo
photo_camera Divulgação

O Facebook é uma rede social amplamente utilizada por diversos tipos de pessoa e já possui 1,44 bilhão de usuários em todo o mundo. Porém, toda essa popularidade não é interessante apenas para quem deseja conversar com amigos e familiares, compartilhar fotos e ver o que as outras pessoas estão fazendo de suas vidas. Tantos dados reunidos em um só lugar também atraem a atenção de diversas empresas.

A rede social de Mark Zuckerberg é gratuita, mas isso não significa que ela não tem um preço. Se você estiver usando o Facebook, você está dando à empresa uma tonelada de informações sobre si mesmo. Agora, adivinhe só como a companhia consegue reverter isso em dinheiro? Vendendo informações para anunciantes, de uma forma ou de outra.

Sempre que baixamos um aplicativo ou entramos em um site usando o login do Facebook, estamos dando a essas empresas acesso ao nosso perfil da rede social. Mesmo que eles não possam publicar nada em seu nome ou algo do tipo, o perfil possui uma quantidade de informações pessoais que muitas vezes incluem o endereço de e-mail e número de telefone do usuário, bem como o seu histórico profissional e localização atual.

O que a maioria das pessoas também não sabe é que quando compartilhamos qualquer um desses dados com nossos amigos na rede social, os aplicativos baixados por eles também terão acesso às suas informações. Tudo isso é muito valioso para algumas empresas.

Anunciantes, aplicativos de desenvolvedores do Facebook e parceiros de tecnologia da rede social não têm acesso direto aos seus dados pessoais – como nome, número de telefone, local de trabalho, etc.

A plataforma da rede social mantém os dados anônimos para proteger a privacidade dos seus usuários e na hora de vendê-los para os anunciantes e parceiros faz isso a granel, para que eles não consigam identificar cada um deles. Apesar de não "ligar o nome à pessoa", os seus dados ainda estão sendo utilizados para melhorar o alcance dos anúncios segmentados do Facebook.

Se depois de ler tudo isso você ficou preocupado com a sua privacidade no Facebook, saiba que existem algumas opções para aumentar a proteção dos seus dados. Confira o passo a passo e aprenda a executar algumas ações que podem ajudar nesse quesito.

Saia do sistema de monitoramento de anúncios.

Se isso puder te consolar, saiba que os anúncios que estão sendo dirigidos a você são distribuídos de forma anônima e em grandes quantidades em diversas partes do mundo para pessoas que, de alguma forma, têm um perfil parecido com o seu. Eles não estão literalmente sendo direcionados apenas para você, mesmo que às vezes isso pareça assustadoramente real.

Mas se mesmo assim você não quer participar desse sistema de direcionamento de anúncios do Facebook, faça o seguinte:

Passo 1

Clique na seta para baixo localizada no lado direito da sua página do Facebook e selecione a opção "Configurações".

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Passo 2

Selecione a opção "Anúncios" e, em seguida, clique na opção "Editar" ao lado de cada seção dessa página.

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Passo 3

Na seção "Site de terceiros" o Facebook lida com uma situação hipotética, uma vez que afirma não dar a "aplicativos de terceiros ou redes de anúncios o direito de usar seu nome ou foto em anúncios". Porém, se isso for permitido no futuro, a configuração escolhida por você determinará como as suas informações serão usadas. Portanto, a melhor opção para proteger sua privacidade é selecionar "Ninguém".

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Passo 4

Já na seção "Anúncios e amigos" é possível ver como o seu perfil do Facebook é usado em anúncios apresentados para outras pessoas. De acordo com a rede social, essa ferramenta é "uma maneira fácil de encontrar os produtos e serviços nos que você está interessado, com base no que seus amigos curtem e compartilham".

Somente os amigos confirmados podem ver suas ações ao lado de um anúncio, mas se mesmo assim você não quer ter seu rosto associado a um restaurante japonês apenas porque você curtiu alguma página relacionada ao tema, basta clicar em "Editar" e selecionar a opção "Ninguém", conforme a imagem abaixo e, em seguida, salvar as alterações.

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Procure a lista de aplicativos que estão registrados na sua conta do Facebook e faça uma limpeza.

Passo 1

Para realizar essa segunda ação, clique no ícone de cadeado localizado na parte superior da tela do Facebook e selecione "Veja mais configurações".

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Passo 2

Na página que será aberta, clique na opção "Aplicativos", localizada no menu ao lado esquerdo da tela. Na aba "Conectado com o Facebook" é possível ver todos os aplicativos que têm acesso à sua foto do perfil, foto da capa, gênero, redes, nome de usuário e número de identificação do usuário. Os aplicativos listados aqui também têm acesso à sua lista de amigos e qualquer informação que você tenha escolhido tornar pública. Se o número de apps for muito grande, não se esqueça de clicar no botão "mostrar tudo" para obter a lista completa.

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Passo 3

Ao passar o mouse sobre qualquer um dos aplicativos listados é possível editar algumas de suas permissões (ícone do lápis) ou eliminá-los completamente ("X") para que não tenham mais acesso à sua conta do Facebook.

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Passo 4

Ao clicar no ícone do lápis você terá ideia do quanto cada um dos aplicativos sabe sobre você. O Instagram, por exemplo, exige acesso obrigatório ao seu Perfil público (nome, faixa etária, sexo e outras informações públicas), à sua lista de amigos e às suas informações de página e aplicativos. O ideal é que você revise as permissões concedidas a cada um dos aplicativos presentes nessa lista ou então exclua o app. O processo pode ser um pouco demorado dependendo da quantidade de aplicativos que você possui em sua conta do Facebook, mas o esforço valerá a pena quando você lembrar que está dando às pessoas livre acesso aos seus dados.

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Passo 5

Após terminar essa limpeza, volte até Configurações > Aplicativos para verificar mais algumas opções. Uma dica interessante é descer a barra de rolagem e, logo depois da lista de aplicativos vista anteriormente, ir até uma seção com alguns quadros onde é possível escolher, entre outras opções, "Jogar anonimamente". Quando o recurso "Jogar Anonimamente" estiver ativado, você ficará anônimo automaticamente toda vez que jogar os jogos participantes pela primeira vez. Você pode desativar o recurso para cada jogo nas configurações do aplicativo ou enquanto estiver jogando.

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Passo 6

Outro item importante nessa seção é o quadro "Aplicativos que outras pessoas usam". Ele permite controlar as categorias de informações que pessoas podem levar com elas para outros aplicativos. Clique em "Editar" para ver todos os dados que você está deixando seus amigos ver e quais dados estão sendo visto pelos aplicativos deles.

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Passo 7

As configurações abertas na nova janela podem ser usadas para controlar as categorias de informações que as pessoas podem levar com elas ao usar aplicativos, jogos e sites. Desmarque todas as caixas se você deseja manter essas informações particulares e salve as novas configurações.

Configuração Facebook

Imagem: Captura de tela / Canaltech

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.