Agora qualquer pessoa pode criar uma sala de áudio no Twitter

Agora qualquer pessoa pode criar uma sala de áudio no Twitter

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 21 de Outubro de 2021 às 18h06
André Magalhães/Canaltech

Os Espaços do Twitter (ou "Twitter Spaces", caso você prefira o nome original) já está presente na Rede do Passarinho há alguns meses, mas só hoje (21) todos os usuários recebem a capacidade de abrir novas salas. Antes, para se tornar um anfitrião e dar início ao papo ao vivo, era necessário ter mais de 600 seguidores.

As salas de áudio não são muito diferentes do que se conhece do Clubhouse, por exemplo. O conceito é literalmente um bate-papo ao vivo somente com áudio, mas recheado de ferramentas para o gerenciamento da sessão, como a inclusão de convidados, “levantar a mão” para pedir para falar e interações via retuítes e curtidas.

Anfitrões também podem cobrar pela entrada de ouvintes, mas com algumas condições (Imagem: Reprodução/Twitter)

Primeiro, a novidade apareceu no iOS, e foi aos poucos expandida para o Android. Desde o lançamento, o Spaces ganhou novos recursos e chegou a um bom nível de polimento no app para celular, com cobrança de ingresso para ouvintes e até gravação das conversas, enquanto na versão web para PC ainda precisa de certo carinho.

Uma mesma sala pode ter até 2 coanfitriões para ajudar a moderar os demais oradores e participantes. Os anfitriões também podem exibir os próprios tuítes ao longo da conversa, para dar mais contexto ao assunto se quiserem mencionar algo que comentado anteriormente.

Para criar um Espaço, o usuário deve apertar o botão de “Novo tuíte”, no canto inferior direito da tela, selecionar a opção “Espaço” e dar um nome para o encontro — preferencialmente, relacionado ao assunto que vai ser conversado. Há também a opção de agendar o papo para outro momento, o que é interessante para deixar os seguidores preparados.

A novidade está em distribuição como atualização para o app do Twitter, tanto no iPhone quanto no Android. Se você estiver curioso pela criação de Espaços, verifique na Play Store e na App Store se o seu aplicativo está na versão mais recente.

Fonte: Twitter

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.