Zuckerberg diz que assistir queda nos preços das ações do Facebook é doloroso

Por Redação | 17 de Agosto de 2012 às 17h04
Tudo sobre

Facebook

Segundo informações do The Wall Street Journal, o fundador do Facebook admitiu durante uma reunião corporativa com os funcionários da empresa que a queda no preço das ações da rede social está sendo "dolorosa".

Mark Zuckerberg teria organizado essa reunião para aumentar a moral e amenizar o clima dentro do escritório da empresa. Este reconhecimento feito por Zuckerberg também se estende aos funcionários do Facebook, que viram o valor de seu investimento encolher nos últimos três meses.

O valor das ações do Facebook caiu cerca de 50% desde que a companhia abriu capital, em maio deste ano. Nem em seus dias mais pessimistas, Zuckerberg deve ter imaginado esse número.

Assista Agora: Gestor, descubra os 5 problemas que suas concorrentes certamente terão em 2019. Comece 2019 em uma nova realidade.

Ainda segundo informações do jornal, ele teria dito durante a reunião que a imprensa nem imagina o que o Facebook está planejando para reverter essa situação e capitalizar os investimentos que realizaram.

Enquanto aguardamos as tais novidades secretas, ficamos apenas com os fatos, que por enquanto não são tão animadores. Afinal, a rede social fechou o trimestre com um prejuízo maior do que antes da abertura do capital.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.