Zuckerberg diz que assistir queda nos preços das ações do Facebook é doloroso

Por Redação | 17.08.2012 às 17:04

Segundo informações do The Wall Street Journal, o fundador do Facebook admitiu durante uma reunião corporativa com os funcionários da empresa que a queda no preço das ações da rede social está sendo "dolorosa".

Mark Zuckerberg teria organizado essa reunião para aumentar a moral e amenizar o clima dentro do escritório da empresa. Este reconhecimento feito por Zuckerberg também se estende aos funcionários do Facebook, que viram o valor de seu investimento encolher nos últimos três meses.

O valor das ações do Facebook caiu cerca de 50% desde que a companhia abriu capital, em maio deste ano. Nem em seus dias mais pessimistas, Zuckerberg deve ter imaginado esse número.

Ainda segundo informações do jornal, ele teria dito durante a reunião que a imprensa nem imagina o que o Facebook está planejando para reverter essa situação e capitalizar os investimentos que realizaram.

Enquanto aguardamos as tais novidades secretas, ficamos apenas com os fatos, que por enquanto não são tão animadores. Afinal, a rede social fechou o trimestre com um prejuízo maior do que antes da abertura do capital.