Twitter volta atrás depois da mudança de política de bloqueio de usuários

Por Redação | 13 de Dezembro de 2013 às 14h50

Na última quinta-feira (12), o Twitter mudou a sua política de bloqueios de usuários, o que gerou uma grande polêmica entre os internautas e fez o site de microblogging voltar atrás de sua decisão.

Anteriormente, quando você bloqueava alguém no Twitter, o usuário bloqueado não podia mais te seguir. No entanto, com a mudança feita essa semana, você não pode ver mais os tweets da pessoa bloqueada, mas ela pode ver os seus.

A mudança sobre os bloqueios fez com que muitos usuários reclamassem com a empresa. Uma das queixas mais comuns é que a ferramenta de bloqueios era usada para prevenir que stalkers deixassem de ver o que você estava postando.

O Twitter se justificou dizendo que fez essa mudança de política devido à grande “retaliação contra bloqueios de usuários pelos próprios usuários bloqueados (e às vezes seus amigos), o que ocorre muitas vezes”, escreveu em seu blog. “Alguns usuários se preocupam muito com a retaliação pós-bloqueio [...] Nós vamos continuar desenvolvendo ferramentas para proteger os usuários contra o abuso e evitar a retaliação”.

A nova política mostrou-se tão impopular com os usuários do Twitter que foi criada uma petição online, na própria quinta-feira, pedindo que o site voltasse atrás na mudança. Em poucas horas, mais de 1.800 pessoas já tinham assinado a petição.

Em um post oficial, o Twitter escreveu por que voltou atrás. “Nós decidimos reverter a mudança que fizemos depois de receber feedbacks de muitos usuários – nunca iremos introduzir novas ferramentas que façam com que nossos usuários se sintam menos seguros. Todos os bloqueios que você já tinha feito continuam valendo”, disse a empresa.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!