Twitter está trabalhando em um novo sistema de reprodução de vídeos

Por Redação | 21.03.2014 às 14:29

Visando aumentar o número de visualizações dos vídeos postados no Twitter, a empresa começou a testar essa semana um sistema de preview direto na timeline, como já acontece atualmente com as fotos postadas. Com isso, o usuário não precisaria clicar no link e depois clicar no play para reproduzir o conteúdo, agilizando o processo para quem utiliza smartphone para checar as atualizações do Twitter. As informações são do blog Bits, do New York Times.

De acordo com a empresa, o fato de precisar clicar várias vezes acaba fazendo com que muitas pessoas deixem de assistir aos vídeos postados, que muitas vezes são patrocinados e geram receita para a companhia. O novo formato de preview será colocado em prática nos iPhones e em smartphones com Android, já que essa é principal forma como os 241 milhões de usuários do Twitter acessam a rede social.

Nos testes realizados, o sistema de previews de vídeos fez com que os usuários assistissem três vezes mais a vídeos do que o normal, segundo informou o Twitter. A expectativa da empresa é que esse número cresça ainda mais quando o sistema estiver em pleno funcionamento. Além de facilitar a vida de quem já utiliza o Twitter, o objetivo da empresa também é deixar as coisas bem simples de forma a atrair novos usuários.

"Estamos tornando mais fácil para as pessoas fazerem o que elas quiserem fazer", disse Kevin Weil, vice-presidente de produtos para geração de receita do Twitter. A nova funcionalidade, chamada de in-line video, vai ser a grande mudança desde que a rede social começou a mostrar previews de fotos.

A NBA (National Basketball Association) foi a primeira empresa a utilizar a nova ferramenta de postagem de vídeos, colocando diversos lances do jogo entre Knicks e Pacers, na última quarta-feira (19), enquanto o jogo ainda estava em andamento. "A ideia de facilitar a visualização de vídeos é muito interessante, especialmente durante a transmissão dos jogos, quando postamos os melhores momentos para atrair mais espectadores para a transmissão", disse Melissa Rosenthal Brenner, vice-presidente de marketing da NBA.

Além de deixar tudo mais simples na hora de assistir a um vídeo, o Twitter afirmou que hospedar e gerenciar os vídeos diretamente dos seus servidores vai permitir uma maior velocidade na hora da reprodução. Por enquanto, a nova ferramenta ainda está sendo trabalhada e testada e o Twitter não possui uma data de quando ela será colocada em funcionamento para todos os usuários.