Twitter altera visibilidade de posts na linha do tempo

Por Redação | 17.10.2014 às 15:59

Uma das coisas que todos os usuários mais frequentes do Twitter gostavam de destacar era o fato de saber pra quem estava indo suas atualizações. Bem, isso pode ter acabado. A rede social iniciou uma nova maneira de exibir os posts na linha do tempo, algo semelhante ao que o Facebook já faz atualmente.

"Um de nossos objetivos ao experimentar é continuar melhorando sua linha do tempo. Afinal de contas, é a melhor maneira de continuar atualizado com o que está acontecendo em nosso mundo. Escolher quem seguir é um grande primeiro passo – na maioria das vezes, os melhores Tweets vêm de pessoas que já conhecemos ou de conhecidos. Mas há momentos em que você pode perder Tweets que achamos que você iria gostar. Para ajudá-lo a ficar a par do que está acontecendo, estamos testando maneiras de incluir tweets em sua linha do tempo – que nós achamos que você pode achar interessante ou divertido", diz o anúncio publicado na noite de quinta-feira (16), no blog oficial.

Ainda não ficou muito claro quais são os experimentos feitos pelo Twitter, entretanto, nota-se uma mudança sensível no algoritmo que faz a "curadoria" de assuntos e posts na linha do tempo dos usuários. Agora, o conteúdo cronológico também se mistura com o que supostamente seria interessante para os seguidores.

Twitter timeline

Os frequentadores mais assíduos notaram a diferença e muita gente já vem reclamando das alterações, principalmente porque não há opção de escolha para manter a linha do tempo do jeito que estava. E nem mesmo como controlar esse "filtro" de informações. Alguns até comparam as mudanças com a timeline do Facebook.

Muitos usuários também perceberam que, além da mudança com relação ao conteúdo que é exibido na linha do tempo, agora é possível ouvir música diretamente do feed de notícias, apenas clicando no post para reproduzir as faixas.

Fica claro que o Twitter quer capitalizar seu conteúdo com parcerias e anunciantes, além de aproveitar melhor os recursos audiovisuais incorporados à timeline no decorrer dos últimos anos, principalmente depois do app Twitter Music, que não vingou.

E, por enquanto, também não adianta reclamar: o alvo são novos usuários, pois o Twitter aposta que os mais assíduos não vão simplesmente deixar a rede social do dia para a noite devido a essas mudanças. Pelo menos é o que eles acreditam.

Fonte: http://www.pcworld.com/article/2835279/twitter-veers-into-facebook-territory-with-curated-timelines-for-everyone.html#tk.rss_all