Twitter adquire aplicativo que modifica tela bloqueada do Android

Por Redação | 08 de Abril de 2014 às 11h10

Depois do Facebook, agora é a vez do Twitter também tentar chegar ao display bloqueado do seu celular. Ao menos, essa é a primeira ideia que vem à cabeça com o mais recente anúncio da empresa, que adquiriu a Cover, uma empresa norte-americana que tem como principal solução um app que leva os softwares mais usados pelo usuário diretamente para a tela inicial do Android.

Formada por ex-funcionários do Google, a empresa liberou as primeiras versões beta de sua aplicação em outubro do ano passado e atraiu a atenção de “centenas de milhares de pessoas”, de acordo com as informações oficiais. Foi justamente esse um dos principais motivos por trás da negociação, que não teve valores divulgados.

Apesar de ser vago quanto à futura utilização da Cover na rede social, o Twitter provavelmente está interessado na maneira pela qual o aplicativo da empresa estende sua utilização. Os dados de softwares mais acessados dependem não apenas da interação do usuário, mas também do contexto e horário de utilização do aparelho.

Sendo assim, é possível ter telas bloqueadas diferentes durante os horários de trabalho e lazer, por exemplo, e aplicativos exibidos de forma diferenciada durante viagens ou apresentações de projetos. Além disso, com a aquisição, a linha do tempo do Twitter também pode acabar aparecendo diretamente no display bloqueado, dando acesso mais rápido a mensagens, notícias e informações que possam interessar ao usuário em cada momento do dia.

Em 2013, o Facebook tentou um movimento semelhante com o Home, que transformava a tela inicial dos dispositivos Android e a deixava com a cara do serviço, permitindo a interação e visualização de postagens diretamente. O serviço, porém, acabou não decolando como a empresa esperava, mas a experiência, ao que parece, não assustou a rival.

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.