Polícia solicitará remoção de página no Facebook com apologia ao tráfico

Por Redação | 11 de Março de 2013 às 12h28

A Polícia Militar do Rio de Janeiro afirmou que irá solicitar a remoção da página Traficodosmorros do Facebook, que faz apologia ao tráfico de drogas, motiva a violência contra policiais e mostra fotos de criminosos com armas e fuzis. A página, que diz apresentar a "realidade do Rio de Janeiro', já conta com mais de 440 'curtidas'. A notícia foi publicada no jornal O Globo.

As imagens publicadas na página mostram supostos traficantes empunhando armas e ostentando correntes de ouro, com os criminosos mostrando normalmente seus rostos. Outras fotos mostram policiais feridos durante ações contra o tráfico e são seguidas por frases de incentivo ao assassinato de agentes de segurança.

Gilson Perdigão, delegado titular da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), afirmou em nota oficial que irá apresentar um pedido formal ao Facebook de remoção da página e também o endereço de IP de quem a comanda, bem como dos perfis pessoais que têm trocado mensagens com a página que faz apologia ao tráfico - as pessoas que fazem apologia ao crime na internet podem responder judicialmente por associação ao tráfico de drogas.

Em uma das postagens, os administradores da página afirmam que depois da Copa do Mundo de 2014, o tráfico deverá voltar à comunidades pacificadas e que receberam UPPs (Unidades da Polícia Pacificadora) como Manguinhos, Jacaré, Mandela, Alemão e Cruzeiro.

Depois da matéria, os responsáveis pela página tiraram as fotos do ar, mas disseram que ela não acabará.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.