Pinterest adquire startup especializada em buscas visuais

Por Redação | 06 de Janeiro de 2014 às 18h49
Tudo sobre

Pinterest

O Pinterest anunciou nesta segunda-feira (06) que adquiriu a startup especializada em reconhecimento de imagens e buscas visuais, a VisualGraph. Com a aquisição, o Pinterest adiciona os dois únicos funcionários da startup à equipe de engenharia do site.

"A aquisição da VisualGraph nos ajudará a desenvolver tecnologias capazes de compreender melhor o que as pessoas estão compartilhando. Com isso, esperamos que as pessoas consigam encontrar o que realmente gostam com mais facilidade", disse a empresa em comunicado oficial.

Tecnologia da VisualGraph em ação. Sistema é especializado em detecção de rostos, corpos, carros e outros objetos.

Tecnologia da VisualGraph em ação. Sistema é especializado em detecção de rostos, corpos, carros e outros objetos.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O TechCrunch diz que além de oferecer melhorias na busca de conteúdo aos usuários, o Pinterest também poderá melhorar a exibição de anúncios e, desse jeito, monetizar o site de maneira mais eficiente. Com a expertise e tecnologia agregadas do VisualGraph, agora o Pinterest será capaz de oferecer anúncios baseados apenas no conteúdo que você consome no site.

Por exemplo, se você aprecia moda e marca muitas imagens de roupas, bolsas, etc, o Pinterest será capaz de identificar o formato delas e passará a oferecer anúncios de produtos semelhantes e que possam lhe interessar. Com anúncios altamente relevantes, a ideia pode impactar positivamente o site, que poderá ganhar rios de dinheiro se tudo der certo.

Kevin Jing, fundador da startup, e seu parceiro David Liu têm vasta experiência em reconhecimento de imagens. Liu já trabalhou no Google em 2004 e ajudou a companhia a desenvolver um dos seus primeiros motores de busca visual. Por outro lado, Jing afirma em seu perfil profissional no LinkedIn que esteve à frente de uma equipe de engenheiros que trabalhava num mecanismo de busca visual voltado para sistemas de e-commerce na Amazon Web Services.

O site oficial da startup afirma que sua tecnologia é especializada na identificação de rostos, carros, artigos de moda, texturas de objetos e corpos em fotos. Algo bastante razoável para ser aprimorado e utilizado pelo Pinterest.

Não foram divulgados quaisquer detalhes da quantia gasta pelo Pinterest ou qualquer outra informação da natureza da operação.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.