Pesquisa mostra que adesão às redes sociais no Brasil fica abaixo do esperado

Por Redação | 18 de Outubro de 2012 às 15h25

A empresa de consultoria eMarketer divulgou nesta quarta-feira (17) um novo estudo sobre a adesão dos brasileiros às redes sociais e seu uso diário. E pela primeira vez, os resultados do país ficaram muito abaixo do esperado para o ano de 2012.

Os dados da empresa, que unem resultados de outros levantamentos, mostram que a velocidade de adesão aos serviços de mídias sociais também ficará muito aquém das expectativas. Em 2012, o crescimento será de 13,5%, número consideravelmente menor do que os 14,4% estimados anteriormente.

Adesão redes sociais Brasil

Reprodução: Computer World

O crescimento do Facebook em terras tupiniquins também ficará aquém do desejado, fechando 2012 com 46,8% e girando em torno dos 44,7% no próximo ano. Com os dados, estima-se que o número de usuários brasileiros da rede social de Mark Zuckerberg deverá ficar em 41,5 milhões, abaixo dos estimados 45,4 milhões.

Além disso, a eMarkerter estima que 74% dos internautas no Brasil deverão acessar redes sociais até o fim de 2012 e que esse número deverá aumentar para 79% em 2013.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.