O Facebook pode estar vigiando todos os movimentos do seu mouse

Por Redação | 30.10.2013 às 18:15
photo_camera Divulgação

Quando o assunto é mudança no Facebook, a maioria dos usuários fica assustada com a ideia de novas ferramentas rastreando e coletando seus dados. E é exatamente isso que a rede social mais popular do mundo pretende fazer daqui para frente.

De acordo com o Gizmodo, o Facebook está testando um novo recurso que rastreia a movimentação do mouse do usuário no site. A ideia é que a rede social consiga coletar informações comportamentais dos seus usuários, como, por exemplo, por quanto tempo ele deixa o cursor repousado em um link antes de clicar nele ou quais são as regiões mais percorridas pelo mouse.

A ideia não é nova e já foi utilizada por inúmeras empresas, mas nenhuma delas de propriedade de tantos dados quanto o Facebook. Dois bons exemplos são o site de fotos Shutterstock, que rastreia todos os movimentos do mouse do usuário, desde as fotos que ele clica até as que ele pensa em clicar, e a Microsoft, que desenvolveu um método interessante baseado em JavaScript inserido na página carregada. Acredita-se, inclusive, que o método utilizado pela empresa californiana seja semelhante ao da Microsoft pelo histórico de parceria entre as duas.

Ken Rudin, chefe de análises do Facebook, no entanto, acalma os mais preocupados com privacidade indicando que, apesar dos testes, o recurso jamais venha a público. "Não posso afirmar que vai rolar. Saberemos isso somente daqui a alguns meses", afirmou Rudin em entrevista ao Wall Street Journal.

Será que mais um pedaço da nossa privacidade está prestes a ser esmagado pelo Facebook? Somente o tempo dirá.