Marca responde crítica com ironia no Facebook e tem que pedir desculpas

Por Redação | 14.01.2013 às 17:54
photo_camera Público

Recentemente, a maior fabricante de bebidas de Portugal, a Sumol+Compal, anunciou a demissão de 70 funcionários devido à crise econômica europeia. No entanto, o que chamou a atenção do mundo todo foi a forma como a empresa respondeu a uma crítica de um cliente em sua página no Facebook.

"Devido ao anúncio do despedimento (como os portugueses se referem à demissão) de 70 trabalhadores, vou deixar de consumir o Sumol Laranja", escreveu o usuário Snow Winter na página da empresa na rede social. Quem cuida da conta da Sumol optou por responder ao cliente ironicamente, algo que não foi considerado muito apropriado.

"Sempre terá o ananás, o limão, o maracujá", escreveu a empresa em resposta ao Snow Winter. Outros usuários se pronunciaram e alguns até questionaram se aquela página era a verdadeira da Sumol no Facebook, já que responder a uma crítica de um cliente desta forma soa muito estranho e de mau gosto.

Sumol Compal polêmica Facebook

Reprodução: Dinheiro Vivo

A empresa se viu em uma saia-justa e respondeu ao comentário pedindo desculpas, desta vez, em um tom sério. "Pedimos imensas desculpas pelo comentário e pelo sucedido. Infelizmente, a conjuntura atual promove este tipo de situação", escreveu a Sumol.

Publicações portuguesas afirmam que a Sumol+Compal vive um de seus piores momentos com as vendas locais, tendo reduzido em 14,6% nos últimos doze meses para 161,4 milhões de euros (R$ 438 milhões), e as vendas internacionais apresentaram queda de 10,3% para 217,1 milhões de euros (R$ 589 milhões).