LinkedIn fecha parceria com o YouTube para oferecer anúncios em vídeo

Por Redação | 26.10.2012 às 12:25

A rede social para profissionais LinkedIn anunciou nesta quinta-feira (25) uma nova parceria com o YouTube para oferecer anúncios em vídeos para seus usuários, facilitando a comunicação entre empresas e possíveis candidatos.

Com a parceria, os vídeos atuais disponíveis na rede social serão substituídos pelo padrão do YouTube e poderão ser rodados diretamente nas páginas do LinkedIn. Os novos anúncios de 30 segundos serão apresentados antes de permitir que os usuários cliquem em links para saber mais informações sobre as empresas e estes espaços ainda visam promover a comunicação B2B (business to business).

O marketing de conteúdo (B2B) pode se tornar uma boa opção de monetização para o LinkedIn, afirmam especialistas. Um relatório publicado recentemente pelo Content Marketing Institute afirma que a rede social é a principal ferramenta de distribuição de marketing de conteúdo com 83% de adesão, enquanto Twitter e Facebook são usados por 80% dos profissionais para distribuírem suas ações.

LinkedIn logo

Reprodução: Digital Trends

Os novos anúncios em vídeo visam ampliar os rendimentos com marketing da empresa, que foram responsáveis por 28% da receita total do LinkedIn no segundo trimestre de 2012, muito abaixo dos 32% registrados pela empresa no mesmo período em 2011. "Taxas de cliques e CPCs estão melhorando em relação ao ano passado e, além disso, nós continuamos a procurar novas maneiras para adicionar inventário", explicou Steve Sordello, vice-presidente sênior do LinkedIn, aos investidores sobre a queda da receita com propaganda.

Mesmo apresentando redução nos lucros com propaganda no segundo trimestre, Sordello ressaltou que a plataforma de anúncios da empresa continua sendo muito visada e que o LinkedIn busca e trabalha em novas ferramentas para aumentar a participação da propaganda em sua renda.

Uma das fontes consultadas pelo site SocialTimes ainda afirmou que, por enquanto, a empresa não planeja disponibilizar vídeos de anúncios em outras páginas do LinkedIn como, por exemplo, no perfil dos usuários.