Jovem é preso por postar comentários sobre garotas desaparecidas no Facebook

Por Redação | 09 de Outubro de 2012 às 10h20

Um rapaz de 19 anos foi condenado a três meses de prisão após postar mensagens indevidas em seu perfil do Facebook. Ele fez comentários ofensivos sobre duas crianças desaparecidas, Madeleine MacCann e April Jones.

O britânico Matthew Woods fez diversos posts depreciativos sobre o desaparecimento das duas garotas. No tribunal, ele disse que tirou as frases de um site de humor negro. Segundo informações do Daily Mail, dentre as diversas mensagens publicadas por ele, estava uma em que ele sugeria ter sequestrado as duas meninas.

Além disso, também havia mensagens com conteúdo sexualmente explícito sobre as meninas desaparecidas. "Acordei de manhã na traseira da van com duas garotinhas lindas. Achei April em um lugar sem esperança", escreveu o rapaz.

O juiz Bill Hudson, responsável pelo julgamento de Woods, disse que as famílias das crianças não deveriam ser submetidas ao uso das redes sociais para essa finalidade depreciativa, e que as pessoas deveriam pensar mais nos sentimentos dos outros.

Madeleine desapareceu em Portugal, em 2007. Desde que sumiu de um quarto de hotel, a polícia ainda não descobriu o que aconteceu de verdade. O caso teve repercussão no mundo inteiro e os pais da menina ainda não abandonaram as investigações.

Já April sumiu no início deste mês, na Grã-Bretanha, quando seus amiguinhos a viram entrar em uma caminhonete desconhecida. O único suspeito do caso já foi acusado formalmente do sequestro e do assassinato da menina - apesar do corpo não ter sido encontrado.

Madeleine MacCann e April Jones

April Jones (á esquerda), 5 anos, desaparecida no início do mês, e Madeleine McCann, desaparecida em maio de 2007, quando tinha 3 anos

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.