Índia ameaça bloquear o Twitter depois da publicação de conteúdos ofensivos

Por Redação | 24 de Agosto de 2012 às 12h40

O governo indiano afirmou nesta quinta-feira (23) que o Twitter precisará remover todas as páginas e mensagens ofensivas ao país postadas no serviço, pois acredita que estas postagens fizeram as tensões populares aumentarem no país.

O pedido de remoção de conteúdo foi enviado pelo Ministro das Comunicações do país no começo da semana. Se a empresa não retirar o conteúdo até hoje, o governo promete aplicar medidas restritivas às atividades do microblog na Índia.

Mensagens e falsos vídeos seriam os responsáveis por inflamar a população do país sobre um confronto étnico, de que muçulmanos atacariam estudantes e trabalhadores do nordeste residentes na área da cidade de Bangalore e outros municípios do sul. Os boatos geraram uma grande onde migratória para o nordeste do país na última semana.

Segundo o ZDNet, a empresa norte-americana se pronunciou e afirmou que irá cooperar na remoção de conteúdos considerados ilegais e de contas no Twitter. O Facebook e o Google também estão em contato com as autoridades locais para adotar as medidas necessárias para a remoção de conteúdos que geram violência.

Os confrontos começaram na região do Estado de Asam entre a comunidade Bodo e os muçulmanos, resultando em mais de 80 mortes.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.