Funcionários do Facebook possuíam acesso total às contas dos usuários

Por Redação | 17 de Julho de 2013 às 14h39

A ex-relações públicas do Facebook, Katherine Losse, alertou que os usuários da rede social devem ser cautelosos ao escolher os dados pessoais que vão compartilhar com o site. Ela afirma que alguns funcionários da empresa possuem acesso total às contas.

"Os usuários de redes sociais geralmente acham que eles são os únicos que podem acessar as informações que inserem, mas na maioria das empresas isso não acontece, pois pelo menos alguns membros da equipe precisam ter acesso às contas dos usuários para fazer seu trabalho", explicou Katherine ao britânico The Guardian.

Ela conta ainda que quando entrou no Facebook, em 2005, o site tinha menos de cinco milhões de usuários e a equipe de apoio ao cliente usava uma "senha mestra" para se logar como qualquer usuário do Facebook e ter acesso a todas as suas mensagens e informações privadas. Essa senha era utilizada para fazer reparos nas contas e resolver qualquer problema relatado pelo usuário.

Porém, com o crescimento da rede social, formas mais seguras de realizar essas tarefas foram adotadas para evitar o acesso direto às contas. Agora, apenas a equipe de operações, que corrige problemas relatados no Facebook, e a equipe de segurança, que lida com as notificações de ameaças e bullying na rede social, podem acessar as contas dos usuários.

Um porta-voz do Facebook disse ao jornal britânico que possui uma política altamente rigorosa em relação aos dados pessoais de seus usuários. Ele acrescentou ainda que uma recente auditoria feita no acesso dos funcionários a dados pessoais concluiu que o site garante a permissão de acesso apenas quando existe uma necessidade real de tomar conhecimento destas informações.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.