Mesmo lucrando mais de US$ 1 bi, Facebook não pagará imposto de renda nos EUA

Por Redação | 18 de Fevereiro de 2013 às 15h48
Tudo sobre

Facebook

No início deste mês, o Facebook divulgou seu primeiro relatório financeiro anual desde que abriu capital no ano passado. Um detalhe que chama a atenção é que, apesar de ter lucrado quase US$ 1,1 bilhão em 2012, a empresa de Mark Zuckerberg não terá que pagar absolutamente nada de imposto de renda para o governo norte-americano.

Quem chamou a atenção para esse fato foi a 'Citizens for Tax Justice' (CTJ), uma organização não governamental (ONG) que visa alcançar um sistema tributário mais igualitário no país. Segundo a CTJ, o Facebook ainda vai receber restituições de impostos, um valor que totaliza US$ 429 milhões.

Mas como isso é possível? A resposta é graças às isenções de imposto aplicadas sobre as opções de ações dos executivos durante o IPO no ano passado. Essa redução de impostos rendeu ao Facebook um desconto de US$ 1,033 bilhão em 2012, incluindo reembolso de anos anteriores que somam US$ 451 milhões. Mesmo com tantos descontos no último ano, a empresa ainda possui saldo de US$ 2,17 bilhões para serem descontados nos próximos anos.

Assista Agora: Gestor, descubra os 5 problemas que suas concorrentes certamente terão em 2019. Comece 2019 em uma nova realidade.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.