Facebook inicia programa de aceleração de startups com hackathon em São Paulo

Por Redação | 26 de Agosto de 2014 às 13h00

O Facebook inicia o seu programa de aceleração de startups no Brasil com uma hackathon realizada entre amanhã (27) e sexta-feira (29). A maratona de desenvolvimento será realizada durante os três dias no escritório da empresa no país, localizado em São Paulo. Ao todo serão nove startups participantes e que terão que resolver um “desafio de tecnologia” que não foi especificado, segundo o site Info.

As nove empresas foram escolhidas a partir de um grupo formado por vinte startups que apresentaram interesse em participar do programa e ao longo de 2014 e encaminharam projetos para o Facebook, anunciou a rede social. Durante a hackathon, as empresas escolhidas e seus projetos serão julgados por uma banca formada pelo próprio Facebook. Os membros da banca, no entanto, não foram revelados.

O prêmio para quem vencer a competição é “o acompanhamento de engenheiros, líderes de negócio e técnicos do Facebook durante os meses seguintes”, que irão ajudar as startups a desenvolver modelos e sistemas próprios para seus negócios. Os técnicos também irão colaborar para tornar as empresas vencedoras parte do programa de desenvolvedores credenciados do Facebook, ou PMD, na sigla em inglês.

A rede de desenvolvedores credenciados do Facebook conta com mais de 200 parceiros cadastrados em 45 países. Segundo a página do programa, são todas empresas de tecnologia comprometidas em ajudar “anunciantes a estabelecer e desenvolver conexões duradouras com consumidores”.

Essas empresas são frequentemente reavaliadas para se manterem como participantes credenciadas do programa e utilizam API da parceira principal para “criar aplicativos, otimizar plugins sociais e gerenciar campanhas de anunciantes”.

No Brasil são sete empresas credenciadas pelo PMD. A primeira startup nacional a conseguir fazer parte do programa foi a mineira Ezlike, fundada em 2012 e que desenvolve soluções para melhorar o desempenho de campanhas na rede social. É provável que as startups participantes da hackathon nos próximos dias sigam um caminho semelhante ao da empresa mineira.

Fonte: http://info.abril.com.br/noticias/it-solutions/2014/08/hackathon-inicia-programa-de-aceleracao-de-startups-do-fb-no-brasil.shtml

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!