Facebook admite que alcance orgânico dos posts em fanpages está em queda

Por Redação | 06 de Dezembro de 2013 às 06h15

Ao que tudo indica, as empresas terão de pagar por anúncios no Facebook se quiserem que suas histórias sejam visualizadas. Isso porque o alcance dos posts publicados em fanpages tem diminuído cada vez mais, e não é de hoje. Inclusive, o próprio Facebook confirmou a queda de alcance orgânico em um comunicado enviado a seus parceiros no mês passado, obtido pelo AdAge.

"Nós esperamos que a distribuição orgânica dos posts de uma página diminua gradualmente ao longo do tempo enquanto trabalhamos para garantir que as pessoas tenham uma experiência significativa no site”, afirma o documento.

Em 2012, agências de publicidade como a estrangeira GroupM já haviam reclamado da queda na rede social. Em resposta, o Facebook reconheceu que fez mudanças nos seus algoritmos para evitar conteúdos que não engajassem e spams, mas disse que o alcance médio das páginas não havia diminuído. Na época, a rede de Mark Zuckerberg também negou que tivesse feito alterações para incentivar o gasto com anúncios, porém, parece que agora o Facebook está incentivando justamente isso.

No documento "Gerando resultados no Facebook", a rede social diz, no mesmo parágrafo que afirma que a queda no alcance orgânico é eminente, que os anunciantes devem considerar a distribuição paga "para maximizar a entrega de sua mensagem no feed de notícias".

A distribuição gratuita também é citada no documento, porém, aparece como terceiro benefício listado, atrás de "melhorar a eficácia da publicidade" (por meio de anúncios com contexto social, que é ativado por uma base de fãs considerável) e de "baixo custo para distribuição paga".

Concorrência com notícias e outros posts

Como explicação para a queda do alcance orgânico, o AdAge afirma que isso ocorre por conta da chamada "competição por um espaço limitado", já que as pessoas têm compartilhado mais coisas no Facebook. É em decorrência disso, inclusive, que a rede social alterou o algoritmo do feed nesta semana, dando preferência às notícias e artigos.

“Estamos chegando a um ponto em que, dado que as pessoas estao compartilhando mais coisas, a melhor forma de ter o seu conteúdo visto – se você é uma empresa – é pagar por isso”, disse um porta-voz do Facebook ao AdAge.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.