Apple está desistindo do Ping

Por André Fogaça | 13 de Junho de 2012 às 13h25
TUDO SOBRE

Apple

Segundo o site AllThingsD, a Apple pode abandonar de vez sua rede social Ping. Lançado há quase dois anos, o foco deste serviço estava em compartilhar e indicar músicas dentro do iTunes, algo que nunca foi popular.

O Ping é um serviço que funciona junto do iTunes até hoje. Imagine uma rede social apenas para músicas e todo o conteúdo comercializado dentro da loja da Apple, com recomendações e comentários sobre suas compras.

Steve Jobs anunciando o Ping, em 2010

Steve Jobs anunciando o Ping, em 2010

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Quando foi lançado, em setembro de 2010, o serviço se tornou um celeiro de spam - ignorando qualquer política de segurança que a Apple bate no peito para dizer que tem. Outro ponto que chamou atenção foi uma possível má vontade ao apresentar conteúdo homosexual (Olá Elton John, Cazuza, Renato Russo, Freddie Mercury e muitos outros!).

Além disso, usuários reclamavam que os compartilhamentos ficavam presos dentro do Ping. Isso significa que a música que você curtiu por lá, jamais iria para o Facebook ou qualquer outro site. Estava assim o Ping fadado ao fracasso.

Segundo as fontes do AllThingsD, o Ping será removido permanentemente já na próxima grande atualização do iTunes, que deve ocorrer perto de setembro.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.