Marvel prepara a morte de mais um grande herói em nova edição de Guerra Civil 2

Por Redação | 13 de Julho de 2016 às 10h47

A Marvel realmente está disposta a abrir mão de seus medalhões em busca de uma renovação em suas revistas. Depois de matar a Mulher Hulk e o Máquina de Combate no início de Guerra Civil 2 e anunciar que teremos uma menina negra de 15 anos assumindo a armadura do Homem de Ferra, eis que a editora promove outra reviravolta em suas HQs, matando um personagem mais do que querido pelos fãs. E não se trata de qualquer coadjuvante, mas de alguém que sempre teve uma relevância enorme dentro de seu universo.

Desnecessário dizer que a partir daqui os spoilers estão liberados, certo?

Ainda aqui? Pois bem, a Marvel já havia dito que um de seus principais heróis iria partir dessa para a melhor e todas as apostas estavam apontando para Tony Stark, principalmente pelo recente anúncio de uma substituta para o herói. No entanto, a Casa das Ideias decidiu antecipar a revelação e liberou uma prévia da terceira edição de Guerra Civil 2 e exibiu a página em que ninguém menos do que o doutor Bruce Banner acaba sendo atingido por uma flecha e morto. Por essa ninguém esperava.

Como se não bastasse o assassinato repetindo do personagem, o que realmente chamou a atenção foi o autor do crime: o Gavião Arqueiro. O curioso é que ele faz isso acreditando estar cumprindo ordens do próprio Banner, uma vez que o cientista lhe havia entregado uma flecha especial para ser usada caso o Hulk saísse de controle — como já aconteceu tantas vezes nas HQs. No entanto, porque então o Gavião fez isso quando tudo estava normal e tranquilo?

Guerra Civil 2

Bruce Banner, o Hulk original, é morto pelo Gavião Arqueiro após Inumano prever que o Hulk sairia de controle

Para entender o porquê da morte de Bruce Banner é preciso voltar à origem de Guerra Civil 2. Nesta nova saga, os heróis da Marvel se dividiram após a descoberta de um Inumano capaz de prever o futuro. De um lado, temos heróis que querem usar os poderes do personagem para evitar maiores tragédias e, do outro, aqueles que acham errado punir alguém sem que tenha havido um crime — por mais que você saiba que ele vai acontecer. E, no caso, o Inumano previu que o Hulk iria causar muitos problemas e o Gavião Arqueiro eliminou a ameaça antes que a premonição se concretizasse.

De acordo com o editor-chefe da Marvel, Axel Alonso, essa morte é algo que vai impactar profundamente os heróis da casa e vai levar tempo para que eles aprendam a lidar com a perda. Mais do que isso, as circunstâncias da morte do personagem vão apenas acirrar o confronto já existente entre eles, complicando ainda mais o cenário de Guerra Civil 2.

Via: Omelete