Google lança nova ferramenta que facilita criação de anúncios no Ads

Por Rafael Rodrigues da Silva | 12 de Setembro de 2018 às 08h48
Tudo sobre

Google

A Google lançou oficialmente nesta terça-feira (11) uma nova ferramenta que deverá ajudar quem trabalha com o Google Ads. Chamada de Campanhas Inteligentes, ela utilizará aprendizado de máquina para ajudar pequenas empresas a criarem campanhas de publicidade via internet que se adequem perfeitamente ao objetivo de cada uma delas, seja aumentar o número de ligações na loja física ou a quantidade de vendas do site.

A partir de agora, as empresas cadastradas no Google Ads verão uma nova interface, onde serão oferecidas três opções: ligações, visitas na loja ou ações no site. Assim, é só selecionar qual categoria de anúncio se adequa melhor ao seu negócio, escolher a região onde o anúncio será veiculado, editar o texto do anúncio e determinar o orçamento; depois, o Google Ads irá aprimorar automaticamente a campanha para trazer os melhores resultados.

Novo menu de seleção de campanhas

Ainda que o objetivo das Campanhas Inteligentes seja exigir o mínimo de esforço possível para aqueles que não possuem tanta experiência no gerenciamento de anúncios do Google, o Ads continuará oferecendo um modo avançado para quem prefere gerenciar os mínimos detalhes de cada campanha.

Assista Agora: Nunca mais contrate funcionários para sua empresa! Comece o ano em uma realidade completamente diferente!

Modo Avançado das Campanhas Inteligentes

Anunciada em 27 de junho, a novidade tem passado por uma série de testes desde então. De acordo com resultados dos laboratórios Google, a ferramenta permite que as empresas alcancem um resultado até três vezes melhores do que os alcançados antes da implementação da plataforma. Segundo Roberto Rocha, da empresa de planejamento Rock Consulting, baseada em Lagoa Vermelha (RS), o uso da Campanhas Inteligentes aumentou em 40% a procura pelos serviços da empresa no mês de agosto.

Disponível nos Estados Unidos desde o final de junho, apenas na semana passada a Google começou a lançar a ferramenta nos demais países do mundo. Aqui na América Latina, Brasil e México são os primeiros a receberem o acesso à novidade.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.