Facebook surpreende e ultrapassa YouTube na preferência de anúncios em vídeo

Por Redação | 22.06.2015 às 11:02 - atualizado em 22.06.2015 às 11:32

O vídeo online é a categoria que mais cresce quando o assunto é anúncios na internet e o que antes era dominado pelo YouTube, agora começa a dar espaço para o Facebook. A informação é de um relatório criado pela empresa Ampere, com sede em Londres, que também apurou a audiência mensal de cada plataforma. De acordo com o estudo, o YouTube possui 1,3 bilhão de usuários ativos mensais, enquanto o Facebook já superou o concorrente e hoje conta com 1,4 bilhão de usuários.

Outro estudo, dessa vez realizado pela ZenthOptimedia, mostra que a internet vai ultrapassar a propaganda na televisão em 12 mercados principais, representando 28% dos gastos com publicidade mundial até 2017. Para este ano, a previsão é que os gastos com anúncios cheguem a US$ 531 milhões.

A categoria de vídeos online também está crescendo de maneira mais rápida do que qualquer outra, subindo 33% em 2014. A expectativa é que o segmento continue vendo um crescimento médio de 29% ao ano até 2017.

A pesquisa da Ampere ainda argumenta que o Facebook está se transformando na plataforma preferida dos anunciantes devido ao auto carregamento dos vídeos, o que garante ainda mais que os usuários os assistirão.

Segundo a Ampere, as diferenças entre as plataformas no que diz respeito a entrega dos anúncios também tem sido fundamental nessa mudança, sendo a cobrança um dos principais motivos. Enquanto o YouTube cobra os anunciantes quando o anúncio completo é visto, o Facebook cobra assim que três segundos de vídeo são assistidos.

Por fim, o relatório destaca que a maioria das empresas está preferindo usar o Facebook para o fortalecimento da marca, mas quando se trata de receita, o YouTube ainda é a melhor opção.

Fonte: Reuters