Publicidade em smartphones aumentará 70% nos próximos anos

Por Redação | 02 de Outubro de 2013 às 08h20

A publicidade em smartphones e tablets deve crecer cerca de 70% na América Latina nos próximos quatro anos, de acordo com dados da Telefónica Digital. "[O índice] é muito maior que na Europa, Ásia ou a média mundial", afirmou Leonardo Hilario, gerente de planejamento e projeto de publicidade da Telefónica Digital para a região à agência EFE. A empresa acredita que serão injetados US$ 571 milhões em publicidade móvel até 2017 na América Latina.

Globalmente, o mercado de publicidade móvel atingiu US$ 8,9 bilhões em 2012 – um aumento de quase 83% em relação ao ano anterior –, sendo que as receitas de anúncios mobile nos Estados Unidos aumentaram 111% e na Europa Ocidental, 91%.

O mundo mobile deixou de ser um simples "nicho" para ser o agente de uma "autêntica transformação" dos meios de comunicação, de acordo com Shaun Gregory, diretor global de publicidade da Telefónica Digital. Empresas como Facebook e Twitter, por exemplo, buscam oferecer novos recursos para aumentar a receita de publicidade vinda de dispositivos móveis. O Facebook tem um recurso de propagandas em vídeo na lista de notícias dos usuários da rede social em fase de teste, assim como a exibição de anúncios na aba notificações. E no ano que vem, o Instagram também passará a exibir publicidade.

Já o Twitter comprou neste ano uma empresa especializada em anúncios mobile, mas ainda não revelou sua intenção no segmento.

O crescimento da publicidade deve acompanhar o número de novos dispositivos móveis no mercado. Atualmente, a América Latina tem uma proporção tem 114 celulares para cada 100 pessoas, ou seja, 1,14 aparelhos por habitante da região.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.