Tesla lança bateria "Powerwall" e anuncia nova divisão da empresa

Por Redação | 01.05.2015 às 10:08

Depois de muitos rumores e especulações, a Tesla finalmente anunciou a sua nova bateria destinada para residências e empresas. A Tesla Powerwall é o primeiro produto da companhia que não está ligada ao setor automotivo, mas se utiliza da ampla experiência da companhia com os carros elétricos desenvolvidos por ela até então.

As novas baterias são compostas de íons de lítio e possuem um design minimalista e muito elegante, algo que quebra o conceito de baterias com aspecto rústico, grande e desagradável. Além disso, as Powerwalls estarão disponíveis em várias cores e poderão ser instaladas nas paredes das residências, seja dentro ou fora delas. As baterias possuem exatamente 130 x 86 x 18 centímetros e pesam 100 kg.

Tesla Powerwall

Com as novas baterias, Elon Musk disse durante o evento de anúncio que ocorreu nesta quinta-feira (30) que o objetivo é gerar energia residencial e reduzir os custos, visto que será possível recarregá-la por meio de recursos renováveis, como energia solar e eólica, por exemplo.

Ainda de acordo com Musk, as Powerwalls conseguem suportar variações térmicas consideráveis, entre -20ºC até 43º C, o que possibilita instalá-las em praticamente qualquer lugar e sem se importar com o tempo ou época do ano. De acordo com Musk, os novos produtos da empresa não são difíceis de instalar, mas pode ser necessário o auxílio de um especialista para realizar a tarefa.

Tesla Powerwall

As baterias estarão disponíveis em dois diferentes modelos. Um deles terá potência de 7 KWh e sairá por US$ 3.000, enquanto que o outro terá potência de 10 KWh e custará US$ 3.500. O abastecimento de ambos os modelos é realizado por energia constante de 2 KWh com picos que podem chegar a 3 KWh. Além disso, os dois modelos são escaláveis, permitindo que uma residência possa utilizar mais de um equipamento.

Vale lembrar também que as baterias Powerwalls estarão conectadas a internet para que a Tesla possa monitorá-las a todo momento a fim de saber sobre seu desempenho e durabilidade.

Além das Powerwalls, a Tesla também anunciou a Powerpack, uma bateria mais potente que pode chegar a 500 kWh sem limite de crescimento, visto que são escaláveis. Elas são destinadas às indústrias e conseguem ser abastecidas com picos de 10 kWh. Os valores da Powerpack, porém, não foram anunciados e elas só serão vendidas mediante encomenda.

Para fechar, Musk também anunciou a criação de uma nova divisão dentro da empresa, a Tesla Energy. Ela será responsável por gerenciar a produção, despacho e vendas das novas baterias, que, inclusive, já estão disponíveis para venda nos Estados Unidos. As entregas, no entanto, só deverão ocorrer a partir do segundo semestre deste ano.

Fonte: Tesla

Fonte: http://www.theverge.com/2015/5/1/8525309/tesla-energy-elon-musk-battery-announcement