Parece bizarro, mas não é: gato robótico sem cabeça pode ser seu novo pet

Por Redação | 06 de Outubro de 2017 às 16h05

Gatos são a sensação da internet, mas muitas pessoas não podem criar animais em casa por diversas razões, que vão desde falta de tempo para dar a devida atenção ao pet, até alergias respiratórias. Mas uma solução para quem tem amor para dar sem ter um bichinho para chamar de seu pode ser o Qoobo, um gato robótico felpudo e sem cabeça.

Ainda que o visual do robô seja um tanto bizarro, tendo apenas um corpo com um rabo, o Qoobo é inteligente. O aparelho tem o peso de um gato comum e responde ao toque de seu dono, como se fosse um gato qualquer. Mas, no lugar dos deliciosos "ronrons", o robô vibra seu corpo e balança a cauda.

É possível segurar o Qoobo no colo e fazer carinho à vontade, sem se preocupar com os temíveis arranhões inesperados, e certamente o robô não fará artes pela casa, como destruir cabos e estofados, ou fazer xixi onde não deve. A ideia é que ele se torne um acessório terapêutico para pessoas que possam se beneficiar da companhia de um pet, mesmo que robótico.

Disponível em duas cores (cinza e marrom), o gato-robô ainda está sendo testado pelos desenvolvedores japoneses, mas deve chegar ao mercado em 2018. 

Fonte: Digital Trends

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.