Criadora de fone que "otimiza audição" dos usuários recebe aporte de US$ 17 mi

Por Redação | 09.07.2015 às 10:58

A Dopper Labs é uma startup responsável por criar alguns modelos de fone de ouvido bem diferentes e se apresenta como o primeiro passo para a criação de uma "audição sobre-humana". Agora, a empresa conseguiu arrecadar US$ 17 milhões em uma nova rodada de financiamento com um grupo de investidores poderosos.

O dinheiro arrecadado será usado para impulsionar o lançamento de um novo produto chamado "Here Active Listening System", que foi lançado em junho no Kickstarter e arrecadou US$ 600 mil entre seus apoiadores.

O produto usa dois fones de ouvido sem fio e um aplicativo móvel para controlar o áudio do ambiente ao vivo. Alguns exemplos que a Doppler usa para descrever a eficácia de seu produto incluem a possibilidade de diminuir o som do choro de um bebê no avião, por exemplo.

Basicamente, o usuário poderá usar seu smartphone para ajustar as configurações de equalização para diminuir agudos e médios ou ampliar a potência do baixo, por exemplo. "Música ao vivo é inerentemente imperfeita e abaixa do ideal", disse Noah Kraft, diretor executivo e cofundador da Doppler. "Estamos colocando um computador em seu ouvido para otimizar sua audição", explica Kraft.

Todo o processamento do som acontece no próprio fone de ouvido. Um processador de sinal digital diz ao microfone e ao alto-falante como se comportar de acordo com as configurações que o usuário selecionou no aplicativo instalado no smartphone. Os fones de ouvido também possuem uma bateria de íon-lítio que dura cerca de 4 a 6 horas, transmissão Bluetooth, um microfone e alto-falante.

Inicialmente, o produto só será distribuído para os apoiadores do projeto no Kickstarter – a Doppler vendeu cerca de 3.200 unidades por meio da campanha de crowdfunding.

Doppler Labs

Essa tecnologia de captação e filtragem do som ambiente já faz parte de outro produto da empresa, os fones de ouvido Dubs, lançado em setembro de 2014 por US$ 25. A empresa já vendeu cerca de 250 mil unidades do Dubs, que permite ao ouvinte derrubar o nível de decibéis sem sacrificar a qualidade de áudio.

Os grupos The Chernin Group, Wildcat Capital Management e Acequia Capital fazem parte da última rodada de financiamento da Doppler. Live Nation Entertainment, Universal Music Group e WME também participaram dessa rodada. Antes do novo financiamento, a empresa já havia levantado vários milhões de dólares a partir de uma série de investidores-anjo bem conhecidos, como Casey Wasserman, Owen Van Natta, Joe Lonsdale, Gordon Crawford e Blake Krikorian.

Com informações do Re/Code e Forbes