Após defeito, Apple retira monitores da LG de suas lojas físicas

Por Redação | 13.02.2017 às 20:13

Desde o mês passado, muito tem se falado sobre os monitores 5K da LG, vendidos oficialmente pela Apple como alternativa à tela Retina. O UltraFine 5K Display é um aparelho caríssimo, que chega a quase US$ 1.000, mas infelizmente já saiu de fábrica com um problema sério: ele não funciona se estiver perto de um roteador. Perto mesmo: bastam dois metros para que o monitor pare de funcionar completamente.

A LG, antes do problema virar notícia, já havia mencionado no manual do produto que ele poderia sofrer interferência de ondas eletromagnéticas e iniciar um mau funcionamento, mas não especificou quais tipos de aparelhos seriam capazes de interferir nos monitores. A turma do 9to5Mac fez um teste e publicou os resultados, chamando a atenção da mídia e do mercado para o problema com os UltraFine. Depois da publicação, a coreana admitiu a falha.

Na última semana, a Apple comunicou um atraso na entrega dos monitores para clientes que tivessem comprado os modelos pelo site oficial da Maçã, em virtude de inspeção e conserto do defeito, por meio de reforço na blindagem, antes que os aparelhos chegassem às mãos dos consumidores. E agora, segundo o próprio 9to5Mac, as Apple Stores (lojas físicas) retiraram o produto das prateleiras até que a LG trabalhe em uma solução.

O problema certamente traz uma pequena mancha na reputação da Apple, que sempre prezou tanto pela qualidade de seus produtos. Mas é claro que quem está segurando o rojão é a própria LG, que por não ter blindado suficientemente a carcaça de monitores premium, teve um prejuizo de montante ainda não revelado com a logística reversa e o conserto de todas as unidades fabricadas.

Via 9to5Mac