Vendas de dispositivos com OS da Apple devem ultrapassar o Windows em 2015

Por Redação | 25 de Junho de 2013 às 17h12
photo_camera ArsTechnica

Em 2015, as vendas de dispositivos baseados em sistemas operacionais da Apple (Mac OS e iOS) vão ultrapassar as de produtos que executam as versões do Windows, de acordo com analista do Gartner. "A Microsoft continua relevante graças a empresas e usuários profissionais", disse Carolina Milanesi, vice-presidente de pesquisas do Gartner, ao site CIO.

No ano passado, os embarques de produtos baseados no Windows venceram com folga aqueles que executam sistemas operacionais da Apple: 347 contra 213 milhões de aparelhos embarcados em 2012. As previsões do Gartner dão conta de que em 2014 essa diferença seja reduzida para 23 milhões de dispositivos, até que em 2015 os dispositivos com Mac OS e iOS superem aqueles com o OS da Microsoft.

A mudança prevista pela empresa de consultoria reflete a transformação do cenário do mercado de computadores, em que desktops e laptops são cada vez mais substituídos por smartphones e tablets. Enquanto a Apple encabeça a lista das empresas mais sucedidas no segmento de dispositivos móveis, a Microsoft ainda luta para ganhar a adoção em massa do Windows Phone 8.

Mas essas previsões não indicam que o Windows deixará de ser um sistema operacional importante. Enquanto um número maior de dispositivos com OS da Apple passa a ser vendido dentro de dois anos, a base de clientes do Windows continuará a ser muito grande, e o Gartner ainda prevê um bom caminho no futuro para a Microsoft, com o Windows 8.1 em tablets.

Supremacia Google

Outro marco simbólico previsto pelo Gartner diz respeito às vendas de dispositivos baseados no sistema operacional Android. Aparelhos com o OS do Google devem superar as vendas de produtos da Apple e Windows juntos. Este ano, a combinação de vendas de dispositivos da Apple e Windows deve atingir a marca de 636 milhões, ainda de acordo com o Gartner, enquanto os dispositivos Android, sozinhos, devem bater 867 milhões de dispositivos vendidos. E em 2014 este número deve subir ainda mais.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.