Smartphones e tablets ultrapassam PCs em consumo de mídia

Por Redação | 22.08.2014 às 12:20

Os celulares e tablets ultrapassaram os computadores em mais uma categoria. De acordo com uma pesquisa divulgada pela comScore e publicada pelo site TechCrunch, os usuários de internet já passam 52% de seu tempo total conectado acessando conteúdos digitais por meio de aplicativos e redes sociais mobile.

Quando se fala em acesso à rede então, esse número aumenta ainda mais. Caso se leve em conta também o uso dos navegadores móveis para acesso à internet, esse total sobe para 60%. Enquanto isso, computadores ficam com os 40% restantes e uma perspectiva de quedas ainda maiores na medida em que os preços de dispositivos portáteis caem, suas funcionalidades crescem e, na mesma medida, também o interesse dos usuários por eles.

Mas, nesse mundo, quem manda mesmo são os aplicativos. Segundo a comScore, sete de cada oito minutos gastos consumindo mídia mobile acontece por meio de apps, com o Facebook sendo o grande campeão dessa categoria. Aqui, também, dá para perceber uma tendência: 88% dos celulares apresentam maior atividade dos softwares, enquanto nos tablets esse número é de 82%.

Ainda falando neles e localizando seus resultados ao público norte-americano, a empresa descobriu que um terço dos usuários baixa pelo menos um novo aplicativo por mês, enquanto os maiores aficionados fazem o download de, em média, três deles todos os meses. Aqui, porém, existe uma disparidade: os heavy users, que correspondem a apenas 7% de todos os entrevistados pela comScore, foram responsáveis por quase metade de todo o movimento desse tipo, mostrando que são eles quem movimentam a indústria e estão sempre testando novas aplicações, sejam elas pagas ou gratuitas.

Mais de metade dos usuários de celular, mais especificamente 57%, utiliza aplicativos todos os dias para as mais diversas atividades, enquanto 79% utilizam seus celulares todo santo dia. Nos tablets, esse número é, respectivamente, de 26% e 52%, revelando aquilo que todo mundo meio que já sabia: hoje os smartphones são um dos itens essenciais no bolso de praticamente qualquer pessoa com um mínimo de interesse no mundo digital.

Facebook na liderança

Como já foi dito anteriormente, é a rede social de Mark Zuckerberg quem lidera toda essa onda. De acordo com os dados do estudo, 42% do total de tempo gasto pelos usuários de smartphones e tablets acontecem em um único aplicativo – o Facebook – que também responde pelo maior índice de consumo de mídia.

A audiência, aqui, também é a maior de todas. O Facebook obteve um total de 115,3 milhões de visitantes únicos em junho de 2014, deixando bem para trás o segundo colocado, o YouTube, com 83,9 milhões. Na sequência estão o Google Play (72,2 mi), Google Search (70,1 mi) e Pandora Radio (69 mi).

Aqui, existe uma distinção bem clara entre os usuários de diversas plataformas. Enquanto os usuários de Android passaram a maior parte de seu tempo checando e-mails ou realizando pesquisas na internet, os donos de aparelhos com iOS concentraram a utilização de seus dispositivos no consumo de mídia, notícias, fotos e rádio, mostrando uma fusão entre as funcionalidades de comunicação e entretenimento.

Ainda falando nessa distinção, a comScore descobriu que quem utiliza os aparelhos da Apple tem um engajamento muito maior com aplicativos, passando nove horas com eles todos os meses. Além disso, em um dado que pode causar bastante polêmica, a consultoria descobriu que os donos de iPhone possuem rendas médias 40% maiores que os usuários de Android.