Nike adota impressora 3D para produzir "mimos" para atletas da Copa do Mundo

Por Redação | 11.06.2014 às 08:24

A Nike tem feito experiências com impressoras 3D e, antes do início da Copa do Mundo no Brasil, criou uma linha de presentes para os craques que estarão por aqui. Esses "mimos" também servem como testes para produtos que em breve podem estar nas prateleiras.

O destaque entre os presentes criados pela Nike é a bolsa Rebento, feita em couro preto com nylon sintetizado a partir de uma impressora 3D. A malha tem o mesmo material da sola dos tênis Flyknit.

Outros produtos criados a partir de impressoras 3D são as caneleiras, com estofamento de plástico ao invés das tradicionais espumas. Neste item, a empresa de materiais esportivos tem utilizado um novo tipo de impressão, da 3DMakerBot, que pode confeccionar peças em diferentes tipos de plástico. Desta forma, o resultado, mesmo que não leve espuma, pode oferecer tanto conforto quanto segurança.

Caneleira Nike feita em impressora 3D

Além das experiências em outras áreas, como alimentação e entretenimento, as impressoras 3D têm acelerado e auxiliado a criação de novos produtos, o que antecipa a fase de testes.

"Com a impressão em 3D somos capazes de inovar rapidamente, experimentar e testar centenas de padrões e protótipos para o sistema de engenharia de choque", acrescentou o diretor criativo da Nike, Martin Lotti, ao site Dvice.

Estamos diante de uma nova fase na produção de itens esportivos com a impressora 3D? A bola feita via impressora 3D já estaria disponível no Mundial de 2018? Só o tempo dirá.

Fonte: http://www.dvice.com/2014-6-10/nike-takes-3d-printing-brazil-world-cup-aces