Japoneses criam tela flexível que pode ser dobrada em até três partes

Por Redação | 04 de Novembro de 2014 às 17h52

O Laboratório de Energia e Semicondutores (SEL) Co Ltd - a mesma empresa japonesa que desenvolveu a tela dobrável de 6 polegadas para a Nokia - apresentou um display OLED que pode ser dobrado em três partes na feira “Display Innovation 2014”. O evento ocorreu de 29 a 31 de outubro, deste ano, na cidade de Yokohama, no Japão.

O SEL já havia anunciado uma tela semelhante com tamanho de 5,9 polegadas em junho de 2014, na SID 2014, uma conferência acadêmica. Desta vez, as novidades são o tamanho da tela, que possui 8,7 polegadas, e uma função touch no painel, como destaca o site GSMArena.

A nova tela tem 8.7 polegadas.

A nova tela OLED, que o SEL chama de “Tela Dobrável”, tem resolução de 1080 x 1920 pixels e densidade de pixels de 254 ppi. Para o processamento de dados foi usado um eixo cristalográfico c alinhado com um óxido semicondutor. O driver de gate foi montado sobre um substrato, enquanto o driver da fonte é realizado por um COF (chip sobre filme).

A espessura, peso e raio de abertura da tela são de 100μm ou menos, 6 gramas e 46%, respectivamente. A cores são geradas pela combinação de um filtro de cor e OLEDs brancos em uma única estrutura. O elemento de OLED é do tipo de alta emissão. O SEL também utilizou um painel com sensor capacitivo de toque. A tela de 8,7 polegadas pode ser dobrada 100 mil vezes e o raio de curvatura fica entre 2 e 4 mm.

Nova tela dobrável da SEL dobra-se em 3 partes.
Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.