Há 40 anos, era feita a primeira ligação de um aparelho celular

Por Redação | 03 de Abril de 2013 às 17h11
photo_camera Divulgação

Hoje (3) é um dia histórico para o mundo da tecnologia móvel. Isso porque, há exatos 40 anos, era feita a primeira ligação a partir de um aparelho celular. E se os dispositivos de agora são práticos, leves e cabem dentro do bolso, os de antigamente não eram tão amigáveis assim.

Martin Cooper, na época engenheiro norte-americano da Motorola e atualmente com 84 anos, foi o responsável pela primeira chamada de um telefone mobile. A demonstração ocorreu em 3 de abril de 1973, quando Cooper caminhou pela 6ª Avenida de Nova York, nos Estados Unidos, e ligou para Joel Engel, da empresa rival Bell Labs. "Estou ligando para você de um telefone celular de verdade, portátil e que cabe na mão, apenas para saber se minha ligação soa bem", disse Cooper.

A questão é que o telefone não era tão portátil assim. A ligação partiu de um DynaTAC, um "tijolo" que pesava 1,1 kg, tinha quase 23 cm de altura e uma bateria que durava apenas 20 minutos. Uma década depois, a Motorola lançou o modelo usado por Cooper com o nome DynaTAC 8000X (o da foto abaixo). Foi o primeiro celular vendido no mundo para o consumidor, com uma bateria que aguentava até 30 minutos e levava dez horas para carregar, além do preço elevado: US$ 3.995 (cerca de R$ 4 mil).

Celular

Aqui no Brasil, o então ministro da infraestrutura Ozires Silva foi quem fez a primeira ligação por um celular, em 1990. Ele ligou para o ministro da Justiça, Jarbas Passarinho, e disse: "Este presente para a cidade do Rio de Janeiro é um presente merecido que pretendemos expandir para outras cidades brasileiras”.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.